A vendedora de Manaus que não queria fechar o negócio

O Troféu Abacaxi em vendas vai para…

A eterna apresentação de vendas!

O supervisor em vendas Ramon Colares nos enviou uma história de Manaus (AM). O Troféu vai para sua colega de trabalho, a qual vive cometendo trapalhadas! Ele relatou uma delas:

“A vendedora de cursos profissionalizantes estava na recepção e abordou um cliente para fazer uma pesquisa sobre o mercado de trabalho voltado à educação.

A pesquisa tinha perguntas fechadas, direcionadas a levar a pessoa a conhecer a escola e o curso profissional que ela representava. O abordado não aceitou responder à pesquisa, mas aceitou conhecer a escola.

Após a excelente apresentação, o cliente deixou sobre a mesa de atendimento sua carteira de identidade, seu CPF e o dinheiro da entrada para fazer o contrato.

De repente, a vendedora começou novamente a fazer a pesquisa com o cliente, do zero, tudo de novo, apresentando produtos,etc., e o cliente com o dinheiro, esperando para finalizar o negócio!

Que papelão, ela nem tinha percebido que a venda já estava fechada.”


Este outro leitor ficou tão assustado com a experiência que acabou se esquecendo até de colocar o nome no e-mail! Olha a situação:

“Não sei se o que tenho para contar cabe nesta seção, pois é por demais vergonhoso e estarrecedor.

Precisei comprar algumas lâmpadas, então me dirigi para uma conceituada loja de materiais de construção no Rio de Janeiro.

Após escolher um modelo, a vendedora foi ao estoque e me informou que não tinha  aquele produto. O mesmo aconteceu com a minha segunda escolha.

Como eu precisava muito das lâmpadas, resolvi escolher uma terceira e qual não foi a minha surpresa… ao retornar a vendedora (se e que assim podemos chamá-la), me disse: “mas que m****, eu também não tenho essa!”.

Ah, se fossem vendedores…

“Pior do que o fim do mundo, para mim, é o fim do mês”.          

Zeca Baleiro, cantor que se fosse vendedor iria bater meta no dia 31, às 18 horas.

“Que interessante, aqui no Japão só tem carro importado.”

Jardel, ex-atacante do Grêmio. Ele achou que só ia ver Fuscas?

 “Não é a poluição que agride o meio ambiente. São todas essas impurezas no nosso ar e na nossa água que o fazem.”

Pamela Anderson. É sério que ela não sabe o que é poluição?

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima