Bio Extratus

Como um casal de cabeleireiros fugiu do comum e fundou a Bio Extratus?

“Todas as inovações eficazes são surpreendentemente simples. Na verdade, o maior elogio que uma inovação pode receber é haver quem diga: ‘Isso é óbvio. Por que não pensei nisso antes?’”. Essa frase é de Peter Drucker, considerado o pai da administração moderna. Mas bem que poderia resumir a descoberta do casal mineiro Vera Lúcia Gonçalves Gomes e Lindouro Modesto Gomes, proprietários da rede de cosméticos naturais Bio Extratus.

 

Tudo começou quando o casal frequentou um curso para cabeleireiros em um salão-escola de Belo Horizonte. Vários profissionais já haviam se formado no mesmo local sem perceber que os ensinamentos poderiam abrir as portas para um novo mercado a ser explorado. O casal Gomes começou como a maioria: abrindo um pequeno salão após a conclusão de suas aulas, o Cabelo e Cia.

 

Mas era na disciplina de manipulação de produtos que residia o grande futuro da família. “Os produtos usados no curso eram manipulados na própria escola pelos professores, o que chamou nossa atenção”, relembra Vera Lúcia. O casal iniciou, então, uma produção artesanal de cosméticos, enriquecendo os compostos com extratos naturais e buscando dar mais saúde e beleza aos cabelos.

O que era para ser apenas uma produção para ser usado no salão da família, acabou tomando proporções nacionais. “A experiência como cabeleireiros nos mostrou a dificuldade de encontrar, no mercado, produtos mais suaves que realmente tratassem os cabelos e tivessem um preço mais acessível para os profissionais e clientes”, complementa a empreendedora.

 

Assim, nasceu em 1991 a marca Extratus Produtos Naturais, pioneira na utilização do óleo de tutano em cosméticos capilares. No início, a empresa contava apenas com Vera e Lindouro, que se revezavam nas várias funções de produção e administração. Hoje, eles contam com 310 funcionários, além de distribuidores de seus produtos em todos os estados do Brasil.

 

O início

Vera Lúcia relembra que foram muitos os problemas encontrados no começo. “Quando iniciamos a produção dos cosméticos, não contávamos com recursos financeiros para pagar todas as despesas que são geradas por uma empresa, como: compra de embalagens, matérias-primas, equipamentos, salários e espaço físico. No início, o investimento é grande e o retorno é demorado. Outra dificuldade superada foi a burocracia para legalizar a empresa e os produtos na Anvisa”, afirma.

 

A essas dificuldades, somou-se a árdua tarefa de introduzir um novo produto no mercado. “A marca e os produtos Extratus ainda não eram conhecidos pelos lojistas e consumidores finais. Por esse motivo, também foi difícil encontrar distribuidores para revender os primeiros lotes dos produtos”, conta. Para conseguir recursos financeiros e iniciar a divulgação da marca, o casal Gomes fez pequenos empréstimos e obteve ajuda de outro casal da família, que, além de emprestar dinheiro para a compra das primeiras embalagens e matérias-primas, também levou os produtos para vender em Campinas, SP, cidade onde moravam.

 

Mão de obra

À medida que a microempresa crescia e o mercado ampliava, a demanda por funcionários começou a gerar outro grande impasse. “Pelo fato de a indústria ter sido construída em Dom Silvério, cidade do interior, enfrentamos dificuldades para contratar funcionários especializados, pois as pessoas mais preparadas e com melhores formações sempre preferiam trabalhar em grandes centros comerciais”, lembra a proprietária. A solução foi inverter o processo e ir atrás de profissionais cansados da vida nas grandes metrópoles. “Buscamos pessoas com perfil interiorano, que já estivessem cansadas do estresse das grandes cidades e que procurassem qualidade de vida”, explica.

 

Novos desafios

Em 1997, o casal deu início a construção de uma nova fábrica, localizada no município de Alvinópolis, a 170 km da capital mineira. “Essa mudança foi necessária, pois a empresa precisava de mais espaço para ampliar sua produção, e tivemos essa oferta apenas no município vizinho”, destaca. Em agosto de 1998, a Extratus Produtos Naturais passou a se chamar Bio Extratus Cosméticos Naturais.

 

Atualmente, os produtos da Bio Extratus são comercializados por meio de empresas distribuidoras juridicamente independentes da companhia e podem ser encontrados em salões de beleza, perfumarias e lojas especializadas em cosméticos. Para dar maior visibilidade à marca, a empresa tem investido em publicidade e propaganda e vem realizando, desde o ano passado, o Camarim Bio Extratus, um salão de beleza itinerante que viaja pelo Brasil oferecendo tratamento capilar com as linhas de produtos da marca.

 

A empresa ainda enfrenta algumas peculiaridades do negócio. “Pelo fato de ela estar localizada longe dos grandes centros comerciais, temos um custo muito alto com transporte, tanto para compra de embalagens e matérias-primas como para entregar nossos produtos na sede das empresas de nossos parceiros comerciais”, revela. Para lidar com esse problema, o casal deu início a outra empresa que faz parte do Grupo Bio Extratus, nomeada de Transportadora Bio Extratus, que presta serviços de frete para São Paulo, Belo Horizonte e Goiás.

 

A empresa vem se consolidando no mercado brasileiro e já almeja alçar voos mais altos. “Já exportamos dois contêineres de produtos para Portugal e um para os Estados Unidos e temos o projeto de abrir novos mercados em breve”, comemora. Além disso, o casal já colhe excelentes retornos da linha para tratamento corporal, lançada no ano passado.

Para aqueles que, como o casal Gomes, sonham em dar vida ao próprio empreendimento, Vera Lúcia revela um último conselho: “Busquem todas as informações e orientações possíveis sobre o seu negócio. Se você acreditar que realmente é um bom empreendimento, não tenha medo, aposte nele, trabalhe bastante e tenha paciência para ver o resultado”.

 

Concorrência

Para o casal Gomes, a concorrência serve de estímulo. “Ela sempre nos motiva a trabalhar mais, buscando melhorar a cada dia. Acreditamos que, se concentrarmos todos os nossos esforços para fabricar produtos que levem aos clientes o melhor custo-benefício, não precisamos temer a concorrência. Procuramos inovar conceitos e ativos eficazes para manter a credibilidade de nossos produtos no mercado”, garante Vera Lúcia.

 

A grande lição da Bio Extratus

“Nosso maior segredo é ter priorizado, desde o início, a qualidade e a eficácia de todos os produtos que fabricamos, tentando inová-los e aperfeiçoá-los, investindo em novas tecnologias, equipamentos cada vez mais modernos e profissionais altamente qualificados”, confidencia Vera Lúcia

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima