Confira a entrevista com o Prof. Menegatti

A vida é um processo contínuo de comunicação, persuasão e influência sobre outras pessoas. A capacidade de vender ideias determina o sucesso na vida e na carreira.

1. Do que trata exatamente seu livro Atendimento Gera Vendas?  Qual a grande mensagem?

A vida é um processo contínuo de comunicação, persuasão e influência sobre outras pessoas. A capacidade de vender ideias determina o sucesso na vida e na carreira. E foi pensando nisso, que elaboramos o livro “Atendimento gera Vendas” com cinquenta dicas infalíveis que farão os clientes comprarem de você, visto que hoje, o poder migrou das mãos das empresas para as mãos dos clientes.

2. Qual a primeira coisa que você gostaria que alguém fizesse ao terminar de ler seu livro? Por onde começar?

Sugiro uma reflexão e avaliação acerca do trabalho desenvolvido em sua empresa, para só depois colocar as dicas em prática. Daí em diante o leitor deve usar este livro como um guia prático do bom atendimento, pois ele está repleto das mais importantes dicas que um profissional de vendas precisa conhecer para vencer, bem como pela profundidade nos depoimentos dos maiores especialistas em vendas no país, os quais avalizaram todo o conteúdo desta obra.

3.Como você começou como consultor?

Em 2002, após mais de vinte anos de atuação direta no varejo é que entendi ser o momento certo e então, passei a me dedicar exclusivamente às palestras. Tive o apoio de minha família, afinal os “recomeços” não são nada fáceis. Também pude contar com os ensinamentos de vários profissionais que me deram dicas valiosas.

4.Que tipo de empresa geralmente contrata seu serviços? O que buscam?

Nosso trabalho tem como foco direcionar pessoas a despertar ao máximo seu potencial profissional e pessoal. Nossas palestras são experiências destinadas a mudar atitudes e comportamento. Nesse contexto falamos para diversos segmentos, tais como varejo, indústrias, prestadoras de serviços, universidades, órgãos públicos, entidades de classe e outros.

5.Por outro lado, que tipo de projeto não é adequado para você? Ou seja, que tipo de problemas/situações/treinamentos você geralmente prefere não aceitar ou indicar algum colega?

Sempre que não temos agenda ou me chamam para falar sobre algum assunto essencialmente técnico. Nestes casos procuramos indicar profissionais parceiros, que já conhecemos seus trabalhos e suas performances. Assim, teremos a certeza de que nossa indicação atenderá, com excelência e maestria, a solicitação do nosso cliente. 

6.Qual seu diferencial em relação a outras consultorias? Qual sua ‘marca registrada’?

Informação e Conhecimento! Nos últimos anos temos nos dedicado ao aperfeiçoamento de técnicas para Educação Corporativa e temos levado às empresas, palestras personalizadas numa combinação de conhecimento, entusiasmo e experiência prática, gerando com isso uma melhora significativa na eficácia das organizações.

Referências

7.Além do seu próprio site (www.menegatti.srv.br), que outros sites na nossa área você recomendaria?

Quero recomendar alguns sites que considero úteis a todos os profissionais de várias áreas – www.vendamais.com.br e www.hsmmagement.com.br

8.Quais são seus livros de negócios ou autores preferidos?

  • A Bíblia de Vendas – Jeffrey Gitomer
  • Marketing 3.0 – Philip Kotler
  • O Livro de Ouro da Liderança – John Maxwell

Sobre as palestras

9.Qual é o maior erro que você nota no Atendimento?

Respondo com uma outra pergunta: qual a principal causa da perda de faturamento nas organizações? A resposta está na insatisfação dos clientes com o mau atendimento recebido. Estudos apontam que o mau atendimento, associado a falta de motivação, interesse e despreparo das equipes é o responsável por expulsar os clientes das lojas e pela consequente perda de quase 70% das vendas. A meu ver não existe um erro, mas um conjunto de atitudes erradas no atendimento.

10.Porque você acha que tantas reuniões e treinamentos sobre Atendimento são chatos ou improdutivos? O que poderia ser feito para melhorar isso?

Vendas será sempre o resultado do atendimento prestado e nunca o contrário. É nesse sentido que o trabalho precisa ser desenvolvido com a equipe. Assim como um carro precisa de combustível para andar e ter bom rendimento, as vendas precisam de um combustível chamado ATENDIMENTO para que possam se concretizar e trazer bons resultados a organização. 

11. Qual sua consultoria ou palestra mais memorável, a que mais lhe marcou? 

Minha primeira palestra para um grande público foi em 2003, para a Covendas em Goiânia, com cerca de dois mil vendedores e representantes. Adoro fazer palestra para muita gente, dizem que se você conta uma piada 20% do público ri. Neste caso eram 400 pessoas dando risada. Foi memorável.

12.Qual a situação mais desastrosa ou engraçada que já ocorreu numa das suas palestras/eventos ou consultorias?

A situação mais constrangedora que já passei foi em uma palestra em uma Universidade. Em um certo momento na palestra pedi para que as pessoas batessem palma. Observei que uma jovem não estava fazendo à dinâmica. Direcionei meu olhar para ela e disse: “vamos lá, agora todo mundo…”. No dia seguinte recebi vários e-mails de indignação. Seus colegas tomaram suas dores, pois ela havia perdido um dos braços num acidente. Consegui seu telefone e liguei pedindo mil desculpas.

13. Conselho: que grande conselho ou dica você daria para alguém que quer melhorar seus resultados no trabalho e/ou na vida?

Quero citar o exemplo do ex-jogador de basquete Michael Jordan. Em toda sua trajetória ele errou mais de 9.000 arremessos, perdeu mais de 300 jogos, vinte e seis vezes foi escolhido para fazer o arremesso final… E falhou. Ele falhou e falhou mais vezes na vida do que qualquer outro jogador. E foi por causa disso que se tornou um CAMPEÃO. Se você quer ter sucesso na sua carreira de vendas não tenha medo ou vergonha de cometer erros, de falhar.

14. Algum último recado que queira dar aos nossos leitores?

A maioria dos vendedores gosta de improvisar. Um dos motivos por que muitos vendedores improvisam é porque eles pensam em situações de venda como um encontro descansado, com bastante tempo para contar piadas, bater papo sobre esportes e improvisar quando recebem desafios inesperados. Se você é novato na profissão de vendas, mas está buscando se tornar um campeão, você pode começar copiando técnicas, usando frases de efeito, imitando atitudes dos vendedores do grupo de elite da empresa. Com isso você terá o conhecimento necessário para adaptar e aperfeiçoar as suas reações. Quando você reage com mais rapidez, melhora automaticamente a qualidade de sua reação. Em tudo o que resolver fazer, especialmente em vendas, você só será bom se praticar, treinar e ensaiar.

Informação de contato:


Prof. Menegatti é palestrante nas áreas de Vendas, Motivação, Liderança e Inovação. Autor de vários livros e DVDs, entre eles estão os livros “Talento – É fazer coisas comuns de forma extraordinária” e “Atendimento gera Vendas – 50 dicas infalíveis que farão os clientes comprarem de você”. E os DVDs “Campeão de Vendas” e “Venda Emoção”.

Contatos: www.menegatti.srv.br[email protected]

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima