Espaço do leitor 2

O que os leitores dizem sobre a VendaMais?

“Sou colaboradora da distribuidora de medicamentos Acripel Farma e Dfarma em Recife, Pernambuco. Por ser uma empresa do ramo comercial, trabalhamos com metas, desafios, muita motivação e criatividade. A companhia tem um enorme respeito por seus colaboradores e investe de forma eficaz na sua capacitação e satisfação e, por essa razão, ela proporciona a todos a assinatura da revista VendaMais, que tem sido um grande sucesso. Citamos em nossas reuniões comerciais temas que são extraídos da revista e iniciamos um projeto no mês de janeiro deste ano: “A empresa que vende”, que visa, de forma sistêmica, envolver todos os colaboradores e instigar e capacitar o nível intelectual de cada funcionário, seja ele da base, do depósito ou do setor comercial. Estamos sentindo os efeitos nas vendas, batendo recordes, aumentando três vezes a meta estabelecida no geral, enfim, está sendo muito bom! Vamos expandir essa visão e motivação para todas as filiais em um programa quadrimestral no qual todos os 400 colaboradores se reúnem e são motivados. A VendaMais foi fundamental para a criação desse projeto, porque nós somos uma empresa comercial e todos temos acesso à revista. No nosso workshop, utilizamos matérias e artigos da VendaMais, como: “Você pensa em ser rico? Então tem que lutar” (workshop baseado na capa da edição de dezembro/2010, sobre o que fazer para se tornar um vendedor milionário). Isso ajuda muito, porque temos uma ferramenta desse nível para nos motivar no dia a dia. No mundo das vendas, a gente vive de experiências, como a matéria que li recentemente do vendedor de cocada (edição de setembro/2010), uma matéria supersimples e prática. É isso o que nos motiva”.

Ruth Gomes

Gestora hospitalar

 

“Tenho o hábito de agradecer a tudo o que me rodeia, o ar, a água, a vida, aos amigos, familiares, pais, antepassados, professores… E, quando o agradecimento chega aos professores, não poderia deixar de agradecer a todos da equipe VendaMais. Todos mesmo! Desde quem escreve as matérias, passando por quem produz o papel, até quem entrega a revista. A missão dessa equipe é muito maior que se possa imaginar. Todos estão envolvidos não apenas nos conceitos didáticos, mas engajados no crescimento de pessoas, empresas, economia, geração de renda, enfim, no bem-estar de toda a nação. A todos vocês, muito obrigado, muito obrigado, muito obrigado…”

Vanderlei Gomes Vieira

Piracicaba, SP

 

No mês passado, realizamos uma enquete sobre o que fazer quando o vendedor não bate a meta. Recebemos centenas de e-mails e continuamos recebendo, mesmo após a publicação. Confira:

 

“Raúl, boa noite. Na empresa em que trabalho, todos os representantes fazem uma autoanálise, independentemente de atingirem ou não seu objetivo – se atingiu, como e por que; se não conseguiu, da mesma forma – sempre procurando aprender com seus erros. Temos reuniões de análise e avaliação de performance de cada um e chegamos à conclusão de que a solução é sempre treinar, tanto em vendas como em merchandising, assistindo a vídeos, palestras, lendo e aprendendo uns com outros. Gosto muito dos artigos da VendaMais, leio e repasso a todos.”

Carlos Roberto Donaire

 

“Bater metas é um assunto muito sério, pois envolve o emocional e o bolso de todos. Minha receita para equalizar o vendedor com suas metas é que, primeiramente, ele tem que comprar a ideia da meta para que seja um benefício a ele. Sendo assim, quando ela não é batida, sentamos e conversamos sobre o assunto, tentando dessa maneira chegarmos ao ‘erro’, corrigindo e encorajando o vendedor para o mês seguinte, pois metas não são para serem batidas, e sim para serem superadas. Esse é o nosso lema por aqui. Aplicamos o método Friedman para orientar nossos vendedores e a mim mesmo quanto ao nosso compromisso mensal: METAS!

Obs.: leio a revista VendaMais aproximadamente há cinco anos e, nesse período, ela tem sido referência em minha carreira, me ajudando não só nas vendas, mas até mesmo em algumas palestras que realizei dentro das concessionárias. Um grande abraço a toda a equipe dessa maravilhosa revista. Sucesso!”

Amilson Hungaro Martin

Supervisor de vendas do grupo Honda Cometa Motocenter

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima