Excelência em atendimento, alcance de metas e fidelização de clientes

Conheça Angelita Silva, a campeã de vendas deste mês.

Angelita Silva possui 20 anos de carreira e contou à VendaMais que fidelizar o cliente é um dos fatores mais importantes na formação de um vendedor de sucesso

A paixão por vendas tomou Angelita Silva quando ela tinha apenas 11 anos. Seu pai e seu tio tinham uma loja de bicicletas e acessórios, e foi nela que Angelita fez sua primeira venda e construiu sua carreira, em Santo Amaro da Imperatriz (SC). A pequena loja se transformaria mais tarde na rede Lojas Unilar.

Além das metas sempre batidas e da excelência no atendimento, Angelita consegue fidelizar seus clientes como ninguém. Em 2000, atendeu pela primeira vez certa senhora. Algum tempo depois, era a vez de atender a filha dela, e hoje Angelita vende até para a neta dessa cliente. O segredo dela é simples: fazer que o cliente saia sempre satisfeito com a compra. “Tento fazer que ele se sinta realizado, mostrar que ele conseguiu exatamente o que queria”, conta a supervendedora.

Estudar o cliente também é importante: assim que o cliente entra na loja, Angelita o analisa, percebe detalhes da personalidade dele e identifica se parece mais reservado ou mais aberto e faz um planejamento rápido para saber o que falar na abordagem. “Não pode ser aquele atendimento robótico”, diz. Ela sempre tenta atender os clientes da maneira mais natural possível, com calma, tranquilidade e atenção. O trabalho de pós-vendas é algo já automático, pois ela está sempre em contato com o cliente, apresentando novas promoções ou mesmo perguntando como o cliente está. “Isso gera intimidade”, afirma.

Quando as vendas não estão indo muito bem, a vendedora – com o apoio das Lojas Unilar – planeja um café colonial e convida os clientes mais antigos. A ação faz que o cliente se sinta importante e acabe voltando à loja mais vezes, além de a indicar para outras pessoas. “O que me dá mais prazer é eles nunca se esquecerem de mim e sempre me indicarem para os conhecidos”, conta Angelita.

A supervendedora já decorou uma mansão em Santo Amaro da Imperatriz com os produtos da loja e, nessa ocasião, a sua venda – que demorou três dias apenas na escolha dos móveis, eletrodomésticos, etc. – teve um montante maior que R$ 30 mil. Segundo ela, a importância maior dessa venda não foram os valores: “Atendendo bem, você verá resultados muito maiores”.

Ela dá algumas dicas simples para atender melhor: memorizar o nome da pessoa, apresentar o produto demonstrando conhecimento e não empurrar a venda, mas oferecer uma solução para o cliente. “Uma coisa que eu também acho muito importante é saber separar os problemas pessoais dos profissionais. É claro que todos têm uma vida pessoal, mas no trabalho você tem de ter um objetivo, um foco, e não pode se desviar disso”, aconselha Angelita.

Já o melhor conselho que a surpervendedora diz ter recebido foi de um palestrante que está uma vez por semana em sua loja e disse para ela superar o limite de cada dia, que a meta pode ser um valor, mas deve-se tentar sempre ultrapassá-la. E para isso o segredo é ter pensamento positivo.

Vendedora na carteira e no coração, ela conta que a fidelidade de seus clientes sempre a motiva a ser uma vencedora. E a senhora, citada no início desta matéria, que compra com ela desde 2000, já gerou 163 contratos – ou seja: uma compra por mês. E essas vendas já geraram muitas outras e fizeram de Angelita uma vendedora de sucesso.

Mas nem o pensamento positivo a fez superar um grande desafio: dirigir. Suas vendas sempre lá em cima, seu atendimento de uma excelência incomum e os mais de 20 anos de carreira não a fizeram perder esse medo. Mas essa é apenas mais uma meta. E metas Angelita consegue bater sem dificuldades.

Perfil

  • Nome: Angelita Silva.
  • Cargo: vendedora.
  • Há quanto trabalha com vendas: 20 anos.
  • A primeira venda foi: uma bicicleta.
  • Sua maior motivação: o pai.
  • A maior decepção: não dirigir.
  • Seu objetivo para daqui a cinco anos: estudar design de interiores.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima