Não dá tempo para cuidar das pendências de seus clientes?

Como administrar o tempo e resolver as pendências de clientes ativos dando conta de prospectar novos negócios

Um leitor da VendaMais nos perguntou: “Como administrar meu tempo para resolver pendências de clientes ativos e ainda dar conta de prospectar novos negócios?”. Objetivos, prioridades e tempo são três elementos essenciais na administração de vendas e, obviamente, equilibrá-los é um grande desafio para a maioria dos profissionais de vendas. Vendedores normalmente não se apegam a controles e não gostam de realizar atividades administrativas rotineiras, aquelas que envolvem a resolução de problemas de clientes, assuntos ligados a pré e  pós-venda.

Posso garantir que dá tempo para fazer tudo isso e ainda vender para novos clientes, se souber praticar uma gestão de tempo aliada a prioridades. O objetivo maior do vendedor, em toda e qualquer empresa, é fomentar novas propostas comerciais ou captar novos contatos e clientes interessados em comprar. No entanto, o ciclo de vendas de muitas empresas demanda atividades de pré-venda, como “test-drives”, “projetos piloto” e apresentações para homologação. Durante essas ações, podemos enfrentar dificuldades ligadas a falhas nos processos ou nos produtos que comercializamos. Isso é normal, acredite. O que não é normal é o vendedor acreditar que não deve ocupar-se com o assunto e delegar isso a uma área de pré-venda, se ela existir. Lembre-se de que o cliente confia no vendedor e espera que ele o ajude a resolver toda e qualquer falha ou dúvida para ter credibilidade e confiança na hora de comprar.

Por outro lado, depois que o cliente comprou, poderão existir novas demandas de suporte técnico, instalações, treinamento, ou, no mínimo, a necessidade de medir a satisfação do cliente. Isso também é parte essencial da relação de venda e retenção de clientes. O vendedor deve dedicar tempo para a pré e a pós-venda, afinal são fases definitivas da venda.Devemos qualificar nossas atividades de pré e pós-venda por tema, como exemplifiquei anteriormente, e atribuir prioridade e fração de tempo. Uma boa equação é dedicar 70% do tempo produtivo de sua agenda para prospectar fazendo telefonemas e visitas ou recepcionando clientes em uma loja. Determinar 10% do seu tempo para solucionar questões de pré-venda, pendências normais e relevantes, para confirmar interesse de clientes prospectados; e os 10%  pós-venda, especialmente para medir a satisfação do cliente ativo e, muitas vezes, reativar aqueles que ficaram inativos. Se você trabalha em média 40 a 60 horas por semana, terá entre quatro e seis horas para realizar essa última ação, a de pós-venda. Ela determina as novas vendas, pois promove a satisfação e a assertividade do vendedor na hora de escolher qual produto ou serviço vender. Observe que tempo é o seu maior capital e o seu uso é a mais pura questão de preferência. Muitas atividades não nos dão um resultado imediato, mas são necessárias e nos mantêm no controle de nossas metas e nossos objetivos.

Pense nisso e mãos à obra, cuide das pendências e da satisfação do seu cliente.

Sucesso nas vendas!

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima