Observador inquieto

Observador inquieto Imagine que você pudesse se afastar uns dois metros de si, e que pudesse observar a si mesmo vivendo sua vida. Se você pudesse se olhar dessa perspectiva um pouco incomum, o que enxergaria de diferente?

Que conselhos você daria a si mesmo? Que oportunidades você apontaria para si mesmo? Que erros você diria para seu ?outro eu? não cometer?

Somos grandes especialistas em observar e dar conselhos aos outros. Mas quando o assunto é observar e dar conselhos a nós mesmos, nossa visão é distorcida porque estamos intimamente envolvidos.

Dentro da sua mente, tente se afastar um pouco. Olhe para si mesmo como se estivesse olhando para outra pessoa. Descubra as coisas que são óbvias para todo mundo e dê a si mesmo alguns bons conselhos, honestos e objetivos.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima