Para um relacionamento de qualidade

Vão aí alguns passos importantes para que você tenha um relacionamento vivo:

  • Entenda os motivos do outro. Você tem seus próprios desejos e crenças. Mas aprenda a caminhar junto com o seu parceiro entendendo o ritmo dele também.
  • Entenda o que você quer para si. Consulte-se sempre para saber o que lhe serve e o que não lhe serve. Quando você não sabe sobre si mesmo, fica difícil se posicionar na relação.
  • Seja claro na sua comunicação. Expresse o que sente e pensa para o outro. Sem um bom diálogo é complicado viver em harmonia.
  • Construa uma relação baseada na sinceridade. A mentira cria uma tensão constante que faz mal para o corpo e para a alma. Por isso, a sinceridade é o caminho mais curto para se viver bem.

  • Antes de mais nada, seja amigo. A amizade é a melhor base para o relacionamento. A atração física também é importante, mas a cumplicidade dos amigos é fundamental para desenvolver um bom relacionamento.
  • Saiba transformar o veneno em mel. Sempre que sentir raiva do outro, dê um tempo a si mesmo e fique só. Depois que estiver mais calmo, sente-se para uma boa conversa.
  • Não se culpe. A culpa é o câncer da alma. E acontece sempre que você sente que está devendo algo para alguém. Daí a importância de deixar claro para o outro quem você é de verdade.
  • Aprenda a olhar e ver. Como seria se recuperássemos a inocência de estar com o outro sem julgamentos e críticas, com capacidade de percebê-lo tal como é?
  • Sinta. Nossa mente tem muitas dúvidas, mas o coração não. Ele sabe o que é bom para si.
  • Nunca abandone seus sonhos individuais, mesmo que esteja namorando ou casado.
  • Dê força à realização do outro. O relacionamento só pode evoluir através da evolução de cada um.
  • Alimente sempre o seu amor. Solte o seu lado poético. Seja generoso. Converse, ?lave a roupa suja?. Tudo isso faz com que a relação se vitalize.
  • Entregue-se ao amor, fazendo de cada encontro um momento especial, independente do tempo de relacionamento com a outra pessoa.
  • Aprenda a estar bem consigo mesmo desenvolvendo-se como um ser amoroso. Assim, você sempre será íntegro.
  • Não é preciso sofrer por amor, desde que você tenha coragem de questionar as formas tradicionais de se envolver. A amizade, o prazer e a espiritualidade podem ser a base de seus encontros.

Sergio Savian é terapeuta corporal holístico, professor de meditação e autor de oito livros. Contato: (11) 3085-8190 E-mail: [email protected] Para Saber Mais: O amor na contramão – Mudança de hábito nos relacionamentos. Editora Ágora. “O amor puro engrandece as almas; e quem sabe amar, sabe morrer. Não há pérola semelhante ao amor” Victor Hugo

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima