Pós-venda – Confira dois modelos de carta para recuperar clientes perdidos

Mesmo quando o cliente dá a entender que não quer mais comprar, sempre há uma oportunidade de recuperar o negócio. Na pior das hipóteses, se ele decidir não continuar com sua empresa, ela terá demonstrado que tem uma atitude positiva quanto ao atendimento a ele. As cartas a seguir mostram uma abordagem para reconquistar o cliente que você não precisa seguir à risca, pois pode adaptá-las ao seu negócio.

Modelo de carta 1

Gostaria de me apresentar como responsável por sua conta e queria ter a oportunidade de encontrá-lo em breve para discutir como poderíamos trazer sua empresa de volta como nossa cliente, melhorando o serviço que oferecemos.

Primeiramente, deixe-me atualizá-lo em relação ao que está acontecendo em nossa empresa. Concluímos uma fase de atualizações e melhorias nas instalações e processos e, hoje, podemos atendê-lo com maior rapidez e eficácia. Além disso, nosso pessoal passou por um bom programa de treinamento sobre atendimento aos clientes, de modo que esperamos que você perceba a diferença, caso nos procure outra vez.

Mas o que realmente importa agora é analisarmos suas necessidades e descobrirmos por que você parou de trabalhar conosco. Foi devido à entrega? Política de descontos? Dificuldade na comunicação conosco?

Se tiver alguma dificuldade ou algo que queria discutir, esse é o momento ideal. Estarei pessoalmente assumindo a responsabilidade pela sua empresa e, assim, terei a certeza de que tudo caminhará conforme combinamos.

Nossa postura de trabalho é o serviço em primeiro lugar. Nós realmente gostaríamos de trazer sua empresa de volta, então esperamos que nos permita fazer uma tentativa ou, ainda melhor, que experimente nosso serviço mais uma vez. Acreditamos que notará a diferença rapidamente.

Entrarei em contato em breve para marcarmos uma reunião.

Modelo de carta 2

Fiquei muito preocupado em saber que sua empresa não deseja mais comprar de nós. Por favor, peço desculpas pelo atraso e demora em entrar em contato.

Como sabe, temos trabalhado juntos a “x” anos e sinto que tínhamos um relacionamento de trabalho bom. Pretendíamos proporcionar o melhor atendimento possível à sua empresa e não fiquei sabendo de nenhum problema sério conosco.

Foi então, com extrema surpresa, que soube que sua empresa mudou de fornecedor sem nenhuma razão aparente. Estamos sempre dispostos a discutir qualquer aspecto que possa afetar nosso relacionamento – preço, entrega, instalações, prazos, qualidade, etc. Mas, nesse caso, não tivemos oportunidade para isso.

Nós valorizamos o antigo relacionamento de trabalho com sua empresa e gostaríamos de ter uma nova oportunidade para discutir a situação com você.

Entrarei em contato dentro de alguns dias para agendar uma agradável reunião.

Fonte: texto adaptado do livro 30 minutos para redigir cartas de vendas

Autor: Ian Linton

Editora: Clio

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima