Vícios para evitar em televendas

Dicas rápidas para você vender mais

  • Comer; mascar chiclete ou fumar quando estiver falando ao telefone.
  • Monopolizar a conversa, tomando atitudes autoritárias.
  • Recomendar produtos ou serviços que não satisfaçam as necessidades do cliente.
  • Discutir, mesmo que mentalmente.
  • Gírias: “Pô! Peraí! Falô! Tá legal! Tudo em cima! Tá limpo! Sem chance! Oi, cara! Tchau, tchau!”.
  • Tratar com intimidade: “Querido! Minha flor! Meu amor! Chuchu! Benzinho! Gata! Paixão!”
  • Expressões repetitivas: “Então tá, então! Sabe! Né! Tá!”
  • Condicionais: “Poderia; faria; gostaria; queria; se o senhor quisesse…”
  • Palavras negativas: “Problemas; atraso; nunca; impossível; prejuízo; dificuldade”.
  • Diminutivos: “Ligadinha; precinho; minutinho; passadinha”
  • Expressões que transmitam insegurança: “Eu acho que… Pode ser que… Não sei bem…”

Ana Maria Monteiro é uma das maiores especialistas em Telemarketing do Brasil. Autora do livro Telemarketing: Sucesso nos negócios (AM3). Acesse: www.am3tmk.com.br

Medos que o cliente tem de fechar

  1. Bloqueio emocional.Trata-se do medo de que a qualquer momento estamos nos aproximando da decisão. As pessoas resistem a mudanças e a coisas novas, se não acreditam nelas. Crie condições para que seu cliente em potencial se sinta confiante, recorrendo a seu motive emocional dominante de compra.
  2. Bloqueio cultural.Trata-se de uma tendência para manter status quo – e não para mudar. “Nunca moramos em um sobrado, nunca tivemos problemas em nosso próprio treinamento”. A mudança, paraessaspessoas, vai contra tudo o queelasaprenderamouforamcondiconadasaacreditar. Vocêpodelidarcomessemedo, chamando a atenção do clienteempotencialpara o ponto de vista práticooueconômico. Mostreaelecomo a mudança, uma nova abordagem, programaouserviçolhepouparãodinheiro, tempo e conveniência com a maneiracomo as coisassempreforamfeitas.
  3. Bloqueioperceptivo. Um bloqueio perceptive é umadescrençatemporáriaemumaideia nova. A melhor forma de lidarcomessemedo é mostraraoclienteempotencialcomo outros produtosqueeramnovos e diferentes agora têm boa aceitação. Porexemplo, houveumaépocaemque residencies naáreaurbananãotinham boa aceitação. Vocêconhece outro exemplo?

Extraído e adaptado do livro Venda Soft – A nova arte de vender aplicando o self-empowerment e a persuasão, de Tim Connor (Nobel).

Dicas de relacionamento

Vender pode ser uma atividade triste, a menos que você desenvolva e conserve boas relações com clientes e colegas. Abaixo você encontra algumas dicas para um bom relacionamento entre as pessoas:

  • Trate os outros como gostaria de ser tratado.
  • Seja generoso em seus elogios.
  • Seja sincero.
  • Mantenha a palavra. Se prometer fazer algo, faça-o.
  • Chame as pessoas pelo nome (aprenda os nomes dos chefes e dos subordinados).
  • Sorria.
  • Escute com atenção e demonstre que está realmente escutando.
  • Preocupe-se com os outros e demonstre-o.

Extraído e adaptado do livro 123 Atitudes positivas em vendas, de Robert F. Taylor (Nobel).

"A vida hoje é como um salto de pára-quedas: você precisa acertar da primeira vez”
Margaret Mead

Usandoseu blog paranegócios

Como vocêpodeempregarseu blog paraaumentarsuavisibilidadena internet, melhorarosresultados do seuprograma de buscas e trazermaismovimento par aseu site? O quesignificauma boa oportunidade de aumentarsuasvendas? Aquiestãoalgumasideias:

  1. Teçacomentários a respeito das manchetes de notícias a partir do seuponto de vista professional. Se você é um terapeuta de casais, divórcios de celebridadessãobonsestudos de caso. Um consultorfinanceiropodefornecermaneirasreais de reduzirdívidas e economizer dinheiro. Fale a respeito do quetodosos outros jáestãofalando.
  2. Falemais a respeito da informaçãoquejáforneceu, relacionadoaele. Se escreveu um livro, forneçamaterial extra relacionadoaele. Se escreveumacoluna, forneçadetalhesadicionaissobre um assunto a quevocêrecentemente se referiu.
  3. Compartilhebrevesestudos de casosouconselhos.
  4. Mantenha-o atualizado, atual e divertido. Evitelongosintervalos entre publicaçõesparaqueosleitoressaibam o queesperar. Mantenhaumaatitude positive e saibaque se você se expresser raivosamentena internet, ficaráregistradoparasempre, muito tempo depois de vocêteresfriado a cabeça.
  5. Utilize seu blog paraencorajarleitores a baixarinformaçõesgratuitas da suapáginana internet, taiscomoartigosoulivroseletrônicos, paraajudar a construer sualista de e-mail.

Extraído e adaptado do livro 30 dias para arrasar nas mídias sociais, de Gail Z. Martin (Best Business).

12 dicaspararecuperarclientesinativos

  1. Entendaqual é o ciclo de compra de seuprodutoouserviço. De quantoemquanto tempo um clientecompra? A partir de quemomentoelepodeserconsiderado um clienteinativo?
  2. Saibaquemsãoseusclientesinativos (nome, empresa, contato, etc). Muitascompanhiassabemqueostêm, masnãofazem a minima ideia de quemsão. Assim, ficadifícilrecuperá-los.
  3. Lembre-se sempre dos clients “menores”, e nãoapenas dos “grandes”. A maioria das empresasficatãofocadaemfechargrandesque se esquece de prestaratençãonaspossíveispequenasvendas – que, somadas, dão um montanteinteressante.
  4. Tenhasempre um banco de dados confiável e atualizadocom as informações de seusclientes.
  5. Comunique-se constantementecomseusclientes, tantoativoscomoinativos. Nãodeixequetodaaatençãofiquecentralizadaapenas no momento da venda, mas simdurantetodo o relacionamento. Você se surpreenderácom a quantidade de clientesquevalorizamisso.
  6. Aomanteresserelacionamento, relembreseusclientes das vantagensd e continuarcomprandoou de voltar a comprar de você.
  7. Escuteseusclientesinativos. Descubraporqueelesdeixaram de fazernegócioscomvocê e tente supercar as objeções. Dessemodo, poderádescobrirquealgumasreclamaçõessãomaisfrequentes e, assim, promovermudanças e melhoriasnaempresaou no produto e/ouserviçooferecido.

Extraído e adaptado do livro Desafios de Vendas – Os 30 maiores desafios de vendas e 90 ferramentas para você superá-los, organizado por Raúl Candeloro e Marlus Jungton (Editora Intellimax).

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima