Bompel ? O sucesso da empresa de calçados de segurança

O case de empreendedorismo da Bompel Os números dizem muito. No início, era apenas uma sala com 12 m² onde se consertavam calçados e se produziam, manualmente, sapatos e botas sob encomenda. Hoje, a área construída chega a 5.800 m².

Em 1978, eram quatro funcionários na pequena indústria. Em 2008, são 422 colaboradores distribuídos entre a matriz, localizada na cidade de Toledo, PR ? o curtume, na mesma cidade, e a filial, em Marechal Cândido Rondon, PR. A empresa ainda conta com 192 prestadores de serviços exclusivos, que realizam tarefas de costura dos calçados.

Além disso, inicialmente eram produzidos cem pares de calçados por dia. Hoje, a capacidade de produção gira em torno de 7 mil pares diários. Para conseguir fazer da Bompel essa grande produtora de calçados de segurança, os irmãos Elói e Irceu Bombonatto tiveram de trabalhar muito.

O começo ? A Bompel, como indústria de calçados de segurança, iniciou seus trabalhos em meados de 1978. A necessidade de uma empresa de outro ramo localizada na mesma cidade fez com que os irmãos Bombonatto enxergassem um novo horizonte: o dos calçados de segurança.

Depois de abraçar a oportunidade, Elói e Irceu começaram a se dedicar para construir uma empresa forte. Mas um grande obstáculo surgiu logo no começo da empreitada. ?Uma das maiores dificuldades que a empresa superou foi o descumprimento de um contrato de exportação por parte do cliente no mercado externo, que acabou abalando sensivelmente o fluxo financeiro da instituição. Foi necessário um novo aporte de capital para superar essa fase?, declara Elói.

Depois de vencê-la, a Bompel começou um grande trabalho para tornar seus produtos cada vez mais eficientes e sua marca reconhecida no mercado.

A concorrência ? Para Irceu Bombonatto, a concorrência ?funciona como uma mola propulsora para a melhoria dos produtos da Bompel?. A empresa procura se diferenciar dos concorrentes através do alto grau de criatividade e inovação no atendimento das necessidades dos clientes e exigências dos mercados, de uma estrutura administrativa e operacional enxuta e de um rígido controle dos gastos. Além disso, o empreendedor destaca a estrutura da empresa: ?Temos nosso curtume de acabamento de couros próprios, estrutura que poucos concorrentes apresentam hoje. Esse é o nosso grande diferencial?.

Entretanto, mesmo com os bons resultados apresentados nos últimos anos, Irceu e Elói sabem que existem problemas que surgem em qualquer empresa, até nas maiores e mais fortes, e afirmam que o segredo da Bompel para conseguir sempre superar as dificuldades é trabalhar com espírito empreendedor, aliado à segurança e austeridade no controle dos negócios e dos investimentos financeiros.

O crescimento ? Entre os objetivos da Bompel para os próximos anos estão o crescimento constante à razão de 10% ao ano e a implementação efetiva do Sistema de Gestão da Qualidade. Para isso, empresa e colaboradores já estão trabalhando. E por falar em colaboradores, Irceu Bombonatto acredita que para uma empresa conseguir realmente chegar ao sucesso, ela precisa ?investir muito tempo em planejamento estratégico, tático e operacional, entender profundamente o ramo em que irá atuar e valorizar continuamente as pessoas que dão suporte às rotinas do dia-a-dia, ou seja, os colaboradores?.

O que você pode aprender com a Bompel

Em um ramo que não é dos mais convencionais, o de calçados de segurança, a Bompel nasceu, cresceu, enfrentou diversas dificuldades e, hoje, é reconhecida no mercado pela qualidade e efetiva segurança de seus produtos. Assim como eles pregam o planejamento constante para que a empresa possa crescer, valorize esse passo da venda em sua empresa e aumente suas chances de sucesso. Esse já é um começo.

Colaborou nesta matéria: Natasha Schiebel

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima