Como ser criativo em 2006

Se todos os dias você faz as mesmas coisas, todos os dias você obterá os mesmos resultados. Nas minhas palestras motivacionais tenho conclamado aos participantes a serem criativos, ou seja, a fazerem diferente o que todos fazem iguais. Se todos os dias você faz as mesmas coisas, todos os dias você obterá os mesmos resultados. Todos nós somos muito criativos.

Ser criativo é a vontade compulsiva de ser diferente, persistente, curioso, pesquisador, guerreiro e crítico nas diferentes formas de pensar, sentir e agir de suas idéias e de suas emoções. Vale enfatizar que a criatividade não é um dom, um talento ou uma inteligência rara. O que realmente, diferencia a pessoa criativa da acomodada é o prazer de pensar e de criar.

Pessoas criativas são curiosas, proativas, não se limitam as respostas simplistas: sim ou não, ou aquela missão que lhe foi confiada. O criativo quer sempre saber o porquê, o como e o aonde a sua especulação vai colaborar no resultado da pesquisa para melhorar os resultados de sua vida, sua carreira profissional e conseqüentemente, nos resultados positivos de sua organização empresarial ou pública.

Uma pergunta que sempre surge em nossos encontros: como ser criativo na era do conhecimento, quando nada mais resta a criar? A respostas que dou são as seguintes: pare de ser o mesmo. Saia do ninho de conforto. Ponha sua mente para pensar. Busque uma solução àquele caso impossível. Force várias tentativas, ensaiando várias vezes.

É interessante enfocar que na área da criatividade, o bom observador leva vantagem sobre o mau observador, mas só o olhar para os objetos não basta. Temos que saber o quê procurar e olhar pesando e sobrepesando as idéias na descoberta e avaliação de novos conhecimentos.

Para finalizar deixo 7 atitudes que ajudarão a ser criativo em 2006:

    1- Afaste-se das pessoas negativas e dos fatos negativistas;
    2- Seja flexível, bem humorado, sempre aberto às informações e um eterno aprendiz;
    3- Não seja ?vaquinha de presépio?, discorde de alguns pontos comuns, buscando várias respostas àquela mesma pergunta;
    4- Transforme as negatividades em pontos positivos;
    5- Busque na boa comunicação a forma estratégica para se tornar um bom negociador de conflitos.
    6- O ?cabeça dura? e o radical, jamais serão criativos;
    7- Exercite, force sua mente a pensar todos os dias e em seguida, RELAXE!

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima