Dicas do Prof. Menegatti, André Silva e Fabiano Brum

Dicas do Prof. Menegatti, André Silva e Fabiano Brum ?Se você não pode descrever o que está fazendo como um processo, você não sabe o que está fazendo?
W. Edwards Deming

?Para ficar para trás não é necessário parar ou voltar, basta continuar na mesma velocidade?
Wagner Canhedo


Aprenda a vencer as frustrações

Quando estiver desmotivado pela baixa nas vendas, aprenda a lidar com as frustrações e mostre sua capacidade de superação. Para você que anda sem motivação e patinando sem sair do lugar, preparei algumas dicas ?4×4? que irão ajudá-lo a sair do atoleiro.

Evite a linguagem negativa ? Ficar falando que as coisas estão difíceis só torna tudo mais difícil. Evite dizer aquilo que não quer que aconteça e procure falar sobre o que gostaria que acontecesse.

Sua atitude determina seus resultados ? Os clientes compram você antes de comprar um produto ou serviço. Seja alguém com atitude entusiástica.

Não quer dizer ainda não ? Raramente, a venda acontece na primeira tentativa. Não fique ansioso e desesperado para vender. Mantenha a calma e use seu conhecimento para oferecer valor ao cliente.

Não pense em vender, e sim em ajudar ? Se você quer vender mais, precisará aprender a servir mais. Seja um consultor na área em que atua e tenha a missão de ajudar o maior número de clientes que puder.

Fernando Oliveira é ator, escritor e palestrante nas áreas de Motivação, Criatividade, Vendas, Liderança e Alta Performance.
Visite o site: www.fernandooliveira.com.br


Você está ganhando ou perdendo?

No livro Como se Tornar um Bom Negociador, da editora Sextante, o autor Steven P. Cohen ensina como identificar o momento de interromper a negociação. Confira três sinais que indicam que a negociação não está sendo vantajosa para você.

1. Conheça sua melhor alternativa ? Ela indica se vale a pena negociar. Preste atenção a qualquer situação que afete sua melhor opção.

2. Trabalhe com as melhores alternativas de todos os envolvidos ? Procure fortalecer sua melhor alternativa e, ao mesmo tempo, enfraquecer a dos outros. Quanto melhor você compreender suas opções, mais facilmente poderá perceber se deve ou não continuar na mesa de negociação.

3. Esteja pronto para se retirar ? Saber o momento certo de desistir pode beneficiá-lo. Se não há ganhos em relação à sua melhor alternativa, negociar pode ser perda de tempo.

Da Redação


Talento não se sustenta sozinho

Os dicionários definem talento como ?inteligência excepcional, aptidão natural ou habilidade adquirida? e dom como ?dote ou qualidade natural inata, poder, virtude, privilégio?.

No entanto, talento não se sustenta sozinho. Existe uma linha tênue entre as conquistas advindas dele e as obtidas através de muito trabalho e persistência. Há pessoas que executam tarefas com mais facilidade (talento), e para elas o caminho parece não ser tão árduo. Mas isso não quer dizer que ela terá mais sucesso que outra. Na prática, o sucesso é resultado de muito suor e determinação.

O talento faz com que a ?largada? seja mais rápida para o indivíduo habilidoso, mas alguém mais esforçado poderá chegar muito mais longe. Um bom exercício para todo profissional é refletir sobre seu talento e investir em suas potencialidades. O ideal é unir a inspiração com a transpiração. Quando seu talento se une com a perseverança é que surge o grande diferencial.

Fabiano Brum é palestrante nas áreas de Marketing, Motivação, Atendimento e Vendas. Em suas apresentações, alia seu conhecimento musical aos temas dos treinamentos.

Visite o site: www.fabianobrum.com.br


Seja claro

Quer confirmar se o cliente entendeu a mensagem que você desejava passar? No livro Por que os Clientes não Fazem o que Você Espera?, da editora Sextante, o autor Ferdinand Fournies sugere quatro passos:

1. Pergunte e descubra o que o cliente não entendeu.
2. Explique novamente o que ficou confuso, de modo que ele entenda.
3. Verifique se ele entendeu dessa vez.
4. Leve-o a tomar a decisão que você espera.

Da Redação


Os 15 mandamentos do novo profissional de vendas

1. Conheça o mercado e seja um especialista.
2. Venda de acordo com as necessidades do cliente.
3. Seja organizado e planeje seu dia de trabalho antecipadamente.
4. Conheça muito bem os diferencias do seu produto ou serviço.
5. Administre seu tempo e foque as prioridades.
6. Enfrente as adversidades como desafio e cresça com elas.
7. Cuide da sua aparência.
8. Venda credibilidade e confiança.
9. Aprimore as técnicas de comunicação.
10. Construa laços positivos e vínculos duradouros com os clientes.
11. Seja apaixonado pela sua profissão.
12. Não pense no dinheiro e sim na satisfação do cliente.
13. Esteja preparado para superar as objeções dele.
14. Demonstre entusiasmo e alegria ao conversar com clientes.
15. Ao acordar, pense nos seus principais motivos para vender.

André Silva é palestrante da AJS Consultoria, além de ministrar cursos e palestras nas áreas de Vendas, Motivação, Atendimento e Gestão de Pessoas entre outros temas.
Visite o site: www.ajsconsultoria.com.br


Aprenda com as pessoas

As amizades podem contribuir muito para seu desenvolvimento. Isso é o que afirma o livro O Faxineiro e o Executivo, da editora Thomas Nelson Brasil, que conta a história do presidente de uma empresa que recebeu grandes lições do homem que fazia faxina de seu escritório. O faxineiro ensinou seis diretrizes que levaram o executivo a fazer mudanças significativas em sua vida pessoal e profissional. Mas isso só foi possível porque o presidente abriu espaço para essa amizade. Preste mais atenção ao seu redor e veja o quanto pode aprender com quem está ao seu lado.

Da Redação


Prepare-se para vender

Os clientes ficam impressionados quando são abordados por profissionais bem preparados. O preparo essencial para fechar negócios consiste em três partes.

1. Pesquisa ? Reúna todas as informações sobre o cliente. Visite-o ou peça que lhe envie impressos e folhetos recentes. Tome nota de seus produtos, serviços, histórico, concorrentes e atividades atuais. A regra é nunca fazer pergunta cuja informação esteja facilmente disponível.

2. Objetivos ? Pense e planeje com detalhes a próxima entrevista. Imagine que seu gerente, antes da visita, lhe pergunte: ?Quem é seu cliente, o que vai perguntar a ele e que resultados espera alcançar com essa visita??.

3. Análise ? Após a visita, escreva todas as informações sobre a reunião. Não confie na memória. Essas anotações serão úteis no desenvolvimento das suas relações com o futuro cliente. Revise-as antes de novas visitas.

Prof. Menegatti é conferencista em motivação, vendas e liderança.
Visite os site: www.menegatti.srv.br


Consultores que desejarem ter suas dicas publicadas na seção Manual do Vendedor devem enviá-las para o e-mail: [email protected]. Os textos serão analisados e publicados em edições posteriores da revista VendaMais.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima