Distribuidora Santa Cruz

Investindo no desenvolvimento das pessoas A Santa Cruz é uma das maiores distribuidoras de medicamentos e produtos pessoais do Brasil. Nos últimos dez anos, superou o ritmo de crescimento do setor e consolidou-se como empresa líder. Atualmente, atende 73% do mercado brasileiro e atua nas regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste.

Tudo começou em 1955, quando o farmacêutico Gilberto Mayer inaugurou a farmácia Santa Cruz em Laranjeiras do Sul, PR. Hoje, são seis centros de distribuição, todos equipados com tecnologia de ponta, com processos otimizados de recebimento, separação, acondicionamento, conferência total, embarque e entrega dos produtos.

Como a equipe da Santa Cruz está espalhada por oito Estados diferentes, nem sempre é possível realizar convenções e treinamentos. Foi justamente aí que a VendaMais se encaixou como uma luva. ?Precisávamos de algo para melhorar a capacitação do nosso pessoal, estimulando a leitura e a busca por informações?, conta Pedro Vila, gerente nacional de vendas e marketing.

Foi proposto, então, um ano de assinatura. Nesse período, os resultados seriam acompanhados. E começaram as idéias para aplicação do conteúdo da revista. ?Nas reuniões de supervisão, escolhíamos uma matéria e fazíamos um debate. Tínhamos uma cumbuca em que colocávamos os nomes de todos os participantes e sorteávamos alguns para falarem sobre algumas reportagens?, relembra Pedro.

O que no início era pressão, aos poucos foi ficando natural, até tornar-se um hábito. Tanto que, no fim do primeiro ano de assinatura, a própria equipe manifestou a vontade de continuar recebendo a revista, que vinha contribuindo com o crescimento pessoal e profissional de todos.

Hoje, a Santa Cruz tem projetos que ajudam a traçar metas e controlar os principais indicadores. Os resultados desses processos são acompanhados, diariamente, por uma equipe na busca da qualidade total. ?A VendaMais é o canal de comunicação de toda a nossa equipe de vendas. São matérias de leitura simples, com exemplos do dia-a-dia. Gostamos justamente da simplicidade com que a revista vende as idéias, sem complicá-las?, finaliza Pedro.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima