Dog?s Care ? A necessidade que virou negócio

A história de uma empresa que surgiu a partir de uma necessidade Ninguém imaginava que a chegada de Jully, uma cadela da raça lhasa apso, mudaria a vida do casal. Ana Carolina Vaz e Marcelo Augusto moravam em um apartamento e, quando voltavam do trabalho, sempre encontravam xixi da cachorrinha por toda parte. A situação piorou quando veio o primeiro cio, tornando a vida do casal um verdadeiro caos.

Jornais espalhados pela casa e tapetes manchados de xixi. Tudo que eles queriam naquele momento era um produto que acabasse com o desconforto dentro de casa sem prejudicar o animal. Não encontrando, tiveram de resolver a questão sozinhos. Então, surgiu a grande idéia: pegaram fraldas descartáveis comuns e fizeram um furo para a passagem do rabo. Pronto!

Problema resolvido! ?Foi o que me salvou. Deixava a pequena o dia todo de fralda?, comenta Ana Carolina.

O problema foi resolvido, mas Ana e Marcelo não pararam por aí. O trabalho para fazer o furo na fralda comum era grande, eles nem sempre acertavam o local e, muitas vezes, o resultado não era satisfatório, o que prejudicava o animal. Para o casal de empreendedores, não há nada que um pouco de criatividade e perseverança não resolvam. E, com esse pensamento, eles abriram uma empresa especializada em produtos pet, a Dog?s Care.

Investindo na idéia

Ana e Marcelo passaram por essa situação desgastante justamente no momento em que buscavam abrir o próprio negócio. Ao pensar na possibilidade de investir em um novo produto, decidiram fazer uma pesquisa de mercado. Os resultados mostraram que existia uma demanda no mercado pet e que outras pessoas também utilizavam fraldas de criança em seus cachorros. E, a partir dessas informações, arriscaram, acreditaram e investiram nas fraldas para cães. ?Fizemos a patente, desenvolvemos a marca, o layout e as embalagens?, comenta Ana.

Para alavancar a empresa, todo o capital do casal foi investido na Dog?s Care. Inclusive o emprego estável de ambos (ela advogada, ele arquiteto) foi abandonado para que pudessem se dedicar totalmente ao novo negócio. O processo burocrático durou dois anos, a empresa abriu em 2005 e os produtos foram lançados em 2006.

As estratégias de mercado

Desde o início, a empresa tem como estratégia o investimento pesado em embalagens, publicidade e assessoria de imprensa. ?Isso ajudou bastante a nos posicionarmos no mercado. Além disso, oferecemos treinamento aos representantes de nossos distribuidores e campanhas específicas direcionadas ao consumidor final?, comenta Ana Carolina.

Como a fralda adaptada é um produto patenteado pela Dog?s Care nenhuma empresa oferece os mesmos benefícios e a mesma utilidade. Para os demais produtos, onde a concorrência existe, buscam sempre oferecer um diferencial ao consumidor, preços competitivos e uma melhor relação custo?benefício.

Missão cumprida

De imediato, o principal resultado foi a rápida aceitação do produto pelo consumidor. Para Ana Carolina, o segredo está em três palavras: paixão, fé e perseverança. Outro resultado importante foi ter conseguido, em menos de um ano, lançar novos produtos no mercado, também descobertos através de pesquisas.

Hoje, os produtos da Dog?s Care se encontram nas prateleiras das grandes redes pet, nos principais pet shops do Brasil e até na Europa. São dez funcionários diretos, 36 distribuidores em todo o Brasil e um em Portugal. Tudo isso para comercializar os produtos da empresa no mercado pet: as fraldas descartáveis, os tapetes higiênicos e uma caixinha para recolhimento das fezes durante o passeio com os cães.

Agora, felizes com o resultado, o principal objetivo é implantar no Brasil uma cultura de conscientização de higiene e posse de animais, que já é difundida no exterior. Para o futuro, muitos planos. ?Pretendemos desenvolver novos produtos que facilitem o dia-a-dia de nossos consumidores e também alcançar o mercado externo?, almeja Ana.

Com a experiência que possui, ela acredita que ser empreendedor é buscar oportunidade, ter iniciativa, ser persistente, otimista, comprometido, curioso e acreditar em si mesmo. ?Somos capazes de ser e fazer tudo que queremos, mas nada se conquista sem esforços ou por acaso?, afirma.

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima