E-mail de recomendação

De: [email protected]

Hora: 14:07

Para: [email protected]

Assunto: recomendação do Sr.Silva

Enquanto trabalhava nessa empresa, o Sr. Silva era um exemplo de diligência e interesse por diversas áreas, chegando a consertar um péssimo trabalho de recrutamento. Leve em consideração que ele não trabalhava na área de RH. Sempre que solicitado, era encontrado em sua mesa, concentrado, ao contrário dos colegas que viviam perdendo tempo na mesa de cafezinho. Silva só se preocupava em cumprir suas metas profissionais e nunca foi antiético ou dedicou-se a espalhar fofocas sobre o pessoal de outras áreas. Mas era no cotidiano que Silva mostrava suas qualidades. Eu sempre tinha a certeza que Silva nunca me decepcionaria e que, não importa o desafio, ele cumpriria o trabalho no prazo e ainda por cima assumia a negociação com um fornecedor fraco que enchia a nossa paciência com desculpas esfarrapadas É por tudo isso que escrevo esse e-mail e recomendo o Sr. Silva para ser seu gerente de qualquer novo projeto que esteja para ser mandado para a rua antes que seus concorrentes lancem algo similar e isso prejudique sua empresa.

Atenciosamente

Raimundo Boucinhas

Diretor Geral

De: [email protected]

Hora: 14:51

Para: [email protected]saacme.ind.br

Assunto: Adendo à recomendação do Sr. Silva

O DANADO DO SILVA estava na minha frente enquanto eu escrevia o e-mail de recomendação. Por favor, leia apenas as linhas ímpares (1, 3, 5, 7…) para saber a minha verdadeira opinião sobre esse sujeitinho!

Raimundo Boucinhas

Diretor Geral

Frase: ?O pára-quedas é o único meio de transporte que quando enguiça, você chega mais depressa? ? Jô Soares

TEMPO

Uma das chaves da motivação é o tempo. Tempo, segundo livros e consultores, se gerencia, se aproveita, se usa, se investe. Tempo se transforma em sucesso, em oportunidade, em dinheiro, em solução, na diferença entre o vencedor e a pessoa comum. Tempo voa. Não pára e não volta.

O tempo é descrito como o grande equalizador. Por mais que façamos, só temos 24 horas em um dia para fazer algo, nem um segundo a mais ou a menos do que o sujeito aí ao lado. Só que não se coloca na equação o fato de que uma pessoa com celular, com e-mail, helicóptero particular, secretária e relógio com múltiplo alarme pode aproveitá-lo mais do que uma pessoa sem tais aparatos tecnológicos.

Vários livros nos colocam frente a uma ditadura do minuto. Só temos esse minuto, só temos esse agora para fazer algo. É nesse minuto que podemos realizar todos os nossos sonhos e aspirações. Certo. Mas… Mas parece que falta na equação alguma coisa. Falta colocar o que realmente vale a pena, a alegria de viver. O brilho nos olhos que faz cada minuto, produtivo ou não, na empresa, em casa ou vagabundeando pela praia, valer a pena. No trabalho e em todas as situações, o tempo deve ser curtido.

Para o cartoon:

O desenho mostra a conversa entre um chefe sentado (sua mesa à frente, com uma pilha de papel) e um funcionário em pé. Atrás, arquivo com papel saindo pelas gavetas. Ele dá a seguinte ordem:

? Ok, nossos arquivos estão superlotados. Pode jogar fora os documentos com mais de 10 anos… mas antes tire uma cópia de todos!

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima