Estratégia de varejo

Ter uma estratégia bem definida pode fazer um negócio no varejo prosperar ou afundar. Confira algumas dicas que podem ajudar na batalha para aumentar vendas e consolidar seu negócio. De acordo com dados do SEBRAE, o número de mortalidade de micro e pequenas empresas no Brasil chega a 80%. No segmento varejista, esse número tem sido assustador, principalmente no segmento de shopping center, onde presenciamos a abertura e fechamento de novas lojas com tempo de vida extremamente curto, queimando recursos acumulados ao longo dos anos de pessoas que sempre sonharam em ter o seu próprio negócio. E, nesses casos, o sonho acaba virando pesadelo.

Na maioria desses casos é possível perceber, com antecedência, que o novo negócio tem pouca chance de sobrevivência, por falta de estabelecimento de uma estratégia bem definida.

A estratégia de varejo fornece a direção necessária aos varejistas para lidarem efetivamente com seus ambientes, clientes e concorrentes. Os passos a serem seguidos por quem deseja abrir um novo negócio no varejo são os seguintes:

1. Escolha o mercado-alvo no qual deseja atuar. Exemplo: mercado de moda feminina.

2. Escolha o público-alvo dentro do mercado escolhido. Exemplo: mulheres de 18 a 25 anos das classes A e B.

3. Escolha o formato de varejo que pretende operar. Exemplo: o varejo normalmente tem dois formatos: margem baixa com alto giro ou margem alta com baixo giro.

4. Identifique quem serão os seus principais concorrentes (numere no máximo de 3 ou 4).

5. Identifique os pontos fortes e os pontos fracos dos concorrentes escolhidos.

6. Identifique em quais pontos poderá ser melhor do que os concorrentes, o que denominamos de vantagens competitivas sustentáveis, ou seja, aquilo que eu tenho, que meu concorrente não tem e que vai demorar a ter.

É importante saber que somente uma boa estratégia não garante o sucesso de uma operação varejista, mas é, sem dúvida,o princípio de tudo, pois a implementação da estratégia formulada é de vital importância. Ou seja, a escolha do ponto certo, do padrão visual adotado, do produto adequado ao público-alvo escolhido, da precificação aplicada, das ações de marketing adotadas e da adoção do programa de excelência em atendimento e serviços implantados são o conjunto de ações que realizadas de maneira adequada, aumenta de forma substancial a possibilidade de sucesso do negócio.

E você, que já é lojista, tem definido a estratégia do seu negócio? Se não tem, esta é uma excelente oportunidade de fazer, encontrando as respostas para as seis perguntas anteriormente formuladas, conhecer melhor o ambiente no qual atua e garantir o sucesso da sua operação ao longo dos anos.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima