Existe hora certa para “doces transgressões”?

Se você é daqueles que não consegue viver sem um docinho e quando come um fica morrendo de culpa, ao menos escolha o melhor horário para saboreá-lo. Mas sem exageros! Escolha UM dos TRÊS momentos a seguir: Se você é daqueles que não consegue viver sem um docinho e quando come um fica morrendo de culpa, ao menos escolha o melhor horário para saboreá-lo. Mas sem exageros! Escolha UM dos TRÊS momentos a seguir:

· Após as atividades físicas: para repor o glicogênio muscular e hepático gastos durante o exercício;

· Durante as refeições principais (almoço e jantar): quando as fibras solúveis dos legumes e leguminosas (feijões, ervilha, lentilha, grão de bico, soja) estão presentes e colaboram para modular a absorção da glicose e normalizar seus níveis sanguíneos;

· No café da manhã (e não no lugar dele): depois de uma noite de sono, quando nosso corpo acorda em estado de hipoglicemia (baixa taxa de açúcar no sangue).

Que doces escolher?

Compotas de frutas possuem mais vitaminas, minerais e fibras, além de menor teor energético.

Mas atenção: a Organização Mundial da Saúde fala em não mais que 10% das calorias totais diárias vindas de açúcares, além da prática regular de atividades físicas, redução do consumo de sal e gorduras e aumento do consumo de legumes, hortaliças, grãos e frutas.

De Olho nas calorias Abacaxi em calda 1 fatia (80 g) 98 Arroz-doce 1 xíc. chá (150 g) 141 Brigadeiro unidade (15 g) 40 Figo em calda 1 c. sopa (20 g) 3 Folhado com creme 1 fatia (50 g) 704 Goiabada 1 fatia (100 g) 275 Musse de maracujá 1 pote (70 g) 255 Pudim de leite caseiro 1 porção (100 g) 195 Sagu 1 c. sopa (15 g) 51 Sonho unidade (85 g) 573 Fonte: Tabela de Calorias da Universidade Estadual de Campinas/Núcleo Informática Biomédica Marília Fernandes é nutricionista e presta serviços de consultoria nutricional nas áreas de educação alimentar, qualidade de vida e bem estar, alimentação funcional, esportes, estética, longevidade saudável, marketing alimentício e saúde ocupacional. E-mail: [email protected]

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima