Grande Sonho do Céu

Mesmo que você não seja um cinéfilo, talvez já tenha visto algum filme que parece um curta-metragem por se passar em um local estranho e distante, como o meio do deserto, Mesmo que você não seja um cinéfilo, talvez já tenha visto algum filme que parece um curta-metragem por se passar em um local estranho e distante, como o meio do deserto, onde pessoas esquecidas se esforçam para levantar seus olhos acima de vidas tão isoladas e sem sentido, mas que se mostra denso e cheio de sensibilidade como um longa memorável. O meio-oeste americano é um lugar cheio dessas pessoas, como bem retratou o clássico Bagdá Café, no gênero mais conhecido como road movie (algo como cinema de estrada, filmes que contam histórias ao longo de rodovias que ligam ?nada ao lugar nenhum?).

Se você gosta do estilo, talvez também já tenha visto outro clássico, dirigido por Win Wenders: Paris, Texas (1984). Neste filme também explora-se uma atmosfera bastante peculiar, habitada por personagens solitárias, errantes, que vagam incessantemente de um lugar a outro, fugindo de um passado tão doloroso quanto misterioso.

Dito isso, acabamos por apresentar o renomado homem de teatro, ator e escritor ficcionista, Sam Shepard, que já escreveu mais de quarenta e cinco peças e recebeu inúmeros prêmios, entre eles a Palma de Ouro em Cannes pelo roteiro de Paris-Texas. Em seu último livro de contos, Grande Sonho do Céu, com dezoito histórias, ele volta à fonte da sua primeira inspiração, que fez dele um dos mais festejados escritores: o universo do homem do meio-oeste americano, o homem sensível à beleza, ressaltando o choque entre esse homem puro e o sexo, a solidão, as ânsias por algo que ele parece ter perdido e luta para reencontrar.

Suas histórias são fortes, por vezes brutais, plenas de inesperado. O diálogo tem o vigor das suas peças. Betty, por exemplo, é uma mulher que prefere perder o trailer onde mora a se desfazer dos seus gatos. Em outra história, dois velhos amigos, que moram juntos desde que suas mulheres morreram, acabam se separando em silencioso momento de ciúme por causa de uma garçonete de meia-idade.

Um livro para você que procura inspiração através de histórias curtas e emocionantes, vivenciadas por pessoas que também têm valor e merecem a felicidade.

Frase: ?As pessoas costumavam dizer que os bem-aventurados ?veriam o céu?. Meu desejo seria ver a terra para sempre? ? Peter Handke

Para Saber Mais: Grande Sonho do Céu, de Sam Shepard (Editora Arx) ? www.edarx.com.br

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima