“Ju00e1 no primeiro mu00eas melhoramos 40%”

Como aproveitar o conteúdo da VendaMais no dia a dia?

Ela deixou o emprego em uma grande empresa de cosméticos e perfumaria do País para ir atrás de novos desafios. Uma das oportunidades que surgiram foi ser recepcionista em uma loja de móveis. Ao chegar lá, percebeu que, mesmo trabalhando na recepção, precisava mudar algumas “coisas” internas. E a ferramenta que ela usou para fazer as mudanças foi a revista VendaMais.

Esse resumo de acontecimentos faz parte da vida profissional de Elisângela Santos, atualmente gerente de serviços e marketing da Millena Móveis, na cidade de Escada, em Pernambuco.

Em seu primeiro cargo, de recepcionista, ela já percebeu que algumas coisas poderiam ser melhoradas. “Como vim de uma empresa grande e estava acostumada com muitos treinamentos e formas de desenvolvimento profissional, aproveitei a bagagem e quis aplicá-la aqui, comecei melhorando a recepção. Pedi para colocar um sofá, passei a servir cafezinho a quem ficava esperando para ser atendido e sempre buscava uma forma agradável de atender o cliente”, explica Elisângela.

Nada é por acaso –Ela conta que, ao montar uma nova recepção, a dona da empresa trouxe alguns exemplares de revistas para “enfeitar” a mesa. “E eu, como gosto muito de ler, fui ver que revistas eram aquelas”, complementa. Do monte que estava na mesa, a que mais chamou atenção foi a que tinha como chamada de capa “Estratégias para golear a concorrência e ser artilheiro em vendas”, da edição de maio de 2006 da VendaMais. “Foi amor à primeira vista, essa revista me ensinou muito e eu fiquei encantada com o conteúdo. Aproveitei todos os exemplares que estavam na mesa e levei-os para casa para estudar”, emociona-se.

Depois de alguns meses na recepção, ela foi promovida ao cargo de assistente do diretor da empresa: “Nesse período, não éramos mais assinantes, então perguntei a ele se podíamos voltar a ser, mas não tínhamos condição. Aí fiquei imaginando outro método de continuar com a VendaMais, até que eu descobri a e-zine. Com as dicas que ela passa, continuei colocando em prática cada vez mais os conteúdos”.

Em seguida, Elisângela conquistou o cargo de gerente de serviços e marketing e a primeira ação que teve foi ser assinante da revista. “Foi logo no meu primeiro salário de gerente e, assim que chegou o exemplar, peguei todos os tópicos da revista e comecei a aplicar com os 200 funcionários. O que eu não podia aplicar, indicava para que outro profissional fizesse”, relembra.

Ela recorda que na época o índice de vendas da loja estava baixo, os vendedores não conseguiam bater a meta e, em um mês de assinatura, ela já percebeu a diferença. “Foi um pouco difícil colocar um conceito novo na cabeça de quem há muito tempo trabalha da mesma maneira, mas, com a revista, já no primeiro mês melhoramos 40%”, garante.

Ensinamentos– Todo mundo sabe que conhecimento precisa ser regado todos os dias. É como uma semente que deve ser cuidada até nascer umaárvoreforte e capaz de se sustentar. O mesmo ocorreu com Elisângela. Ao perguntamos como era trabalhar com vendas usando a revista, ela destaca que, além de técnicas, o profissional precisa se alimentar de conhecimento, não desistir dos desafios e confiar. “A VendaMais me fez acreditar nisso”, reconhece.

Por fim, ela acrescenta que hoje todas as técnicas de habilidades, conhecimentos e atitudes são retiradas do conteúdo da revista e aplicadas na equipe dela. “Toda vez que eu tenho alguma dúvida ou não sei lidar com tal situação, busco respostas na revista, que há um ano vem me trazendo muitos resultados positivos”, destaca.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima