Notícias – Abril 05

Sul com sono Está no Sul o maior número de pessoas com problemas relacionados ao sono. Pesquisa realizada pela farmacêutica Roche constatou que 58,9% dos moradores da região acordam com a sensação de cansaço, 42,9% têm crises de sonolência durante o dia e 35,9% têm dificuldades para pegar no sono. Todos esses índices estão acima da média nacional. Apesar dos resultados, 50,2% dos entrevistados em Curitiba e Porto Alegre consideram boa a qualidade de seu sono.

Manual satiriza as mentirinhas do dia-a-dia O Manual de Desculpas Esfarrapadas traz histórias que o autor separou em três partes: mentiras, mancadas e maluquices em geral. No capítulo das mentiras há relatos como o do rapaz que pretendia devolver uma fita de vídeo à locadora. Quando já estava na porta de casa, o pai o obriga a levar o lixo até a lixeira do prédio. E a fita cai na lixeira também. Daí vem toda uma confusão com mentiras e estrepulias que o moço inventa para se sair bem da situação. Manual de Desculpas Esfarrapadas – Casos de Humor, de Leo Cunha, ilustrações de Daniel Kondo (Editora FTD).

Estresse faz bem O levantamento divulgado pela consultoria norte-americana Accountemps indica que 74% dos trabalhadores acreditam que executam melhor suas funções quando estão perto dos prazos finais de entrega do trabalho ? situação em que o estresse é mais comum. Além disso, quatro em cada cinco funcionários afirmam que a pressão não interfere em seu desempenho de maneira alguma. Em dezembro do ano passado, pesquisadores da Rice University e da Texas A&M University concluíram que as pessoas tendem a exibir mais criatividade quando estão de mau humor. “Emoções negativas são terreno fértil para novas idéias”, apontaram. É claro que o estresse é e sempre foi nocivo à saúde e ao desempenho profissional. Para encontrar o ponto em que o estresse “ajuda”, deve-se adotar a velha receita de zelar pelos momentos de lazer após o expediente. Fonte: Revista Amanhã ? www.amanha.com

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima