O quadro

Um homem havia pintado um lindo quadro. No dia de apresentá-lo ao público, convidou todo mundo para vê-lo. Um homem havia pintado um lindo quadro. No dia de apresentá-lo ao público, convidou todo mundo para vê-lo.

Compareceram as autoridades do local, fotógrafos, jornalistas, enfim, uma multidão. Afinal, o pintor, além de um grande artista, era também muito famoso.

Chegado o momento, tirou-se o pano que velava o quadro. Houve caloroso aplauso.

Era uma impressionante figura de Jesus batendo suavemente à porta de uma casa. O Cristo parecia vivo. Com ouvido junto à porta, ele parecia querer ouvir se lá dentro alguém respondia.

Houve discursos e elogios.

Todos admiravam aquela obra de arte. Porém, um curioso observador achou uma falha no quadro: a porta não tinha fechadura. Intrigado, o homem foi perguntar ao artista:

? Sua porta não tem fechadura. Como se fará para abri-la?

Ao que o artista respondeu:

? É assim mesmo. Esta é a porta do coração humano. Só se abre pelo lado de dentro.

Moral da história: muitas vezes, o que mais precisamos está bem dentro de nós mesmos. Pare um pouquinho. Preste atenção. Ouça o que seu espírito tem a dizer. E o escute, não com os ouvidos, mas sim com o coração.

Frase: ?As aflições nada mais são do que a sombra das asas de Deus? ? George MacDonald

Texto circulando na Internet. Autor desconhecido

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima