O que mais motiva um vendedor pit bull?

Quais são os fatores motivacionais para os vendedores pit bulls

Era uma noite de sexta-feira, dia 24 de abril, uma época difícil de chover em Brasília, mas naquela noite chovia muito. E lá estava eu para mais um evento no centro de convenções Ulysses Guimarães. Quando subi no palco para iniciar a palestra, percebi que se tratava de uma noite diferente – uma noite com um público superior a 3.100 pessoas. Era o recorde de público daquele local, que já havia recebido o rei Roberto Carlos com um público de 3.008 espectadores.

 

Definitivamente foi uma noite de vendas! Ao terminar o evento, como sempre faço, dirigi-me ao stand de livros para autografar alguns exemplares e conversar um pouco com os participantes. Então, decidi realizar uma pequena, porém bastante produtiva, pesquisa. E fiz a seguinte pergunta: “O que mais motiva você?”.

Muitas pessoas imaginam que os vendedores Pit Bulls são mercenários, pulam ferozmente na garganta de seus clientes em busca de resultados e da tão sonhada comissão. Mas eles não pensam em dinheiro, e sim em satisfazer as necessidades dos consumidores. Quem pensa em dinheiro não ganha, fica apenas sonhando com ele.

 

Os vendedores Pit Bulls são profissionais bem-sucedidos e cobiçados pelo mercado. E você conhece alguma pessoa de sucesso desmotivada? Conhece algum vendedor que precise vender 100 e vende 130 que esteja desmotivado? Ou alguma empresa que precise vender 1 milhão e vende 2 milhões que esteja triste? É claro que não!

 

Para os vendedores Pit Bulls, motivação nada mais é que a consequência de seus resultados. O maior desejo dos profissionais é alcançar seus resultados e, naquela noite, a resposta para mim estava na superlotação do auditório.

 

Algumas respostas durante um autógrafo e outro tornavam cada vez mais claro o diferencial das equipes de sucesso e das que estão eternamente desmotivadas e fundamentalmente desorientadas. Confira algumas colocações interessantes, daquela noite chuvosa, sobre o que mais motiva os profissionais de sucesso:

 

  • Meu gerente de vendas, pois ele tem, diariamente, uma nova orientação, uma palavra de ordem e uma enorme cumplicidade com meus desafios e resultados.
  • O excepcional ambiente de trabalho que construímos, onde todos cooperam e competem entre si com lealdade e harmonia.
  • Aquele “tapinha” nas costas que recebo do meu líder no fim do mês dizendo: “Você é o cara!”.
  • Trabalhar em busca de reconhecimento, sabendo que poderei ser chamado ao palco para receber um prêmio.
  • A possibilidade de, por meio de meus resultados, ser alçado a um cargo de liderança em vendas.
  • Perceber que minha remuneração está crescente e que posso realizar os sonhos da minha família.

 

Amigo leitor, como você pode ver, o profissional de sucesso é bem remunerado, e isso é uma consequência de seu trabalho, de seus méritos. E o dinheiro não é o fator-chave de motivação para esses vendedores. Percebo o amadurecimento de um profissional de vendas quando ele valoriza, ou melhor, elege como fator-chave de sua motivação o treinamento. Isso demonstra inteligência e preparo, pois ele sabe que quanto mais se treina, mais se vende.

 

Vendedores se realizam com o reconhecimento. Por isso, para nós, cada mês é uma batalha e cada ano, uma nova guerra. Nascemos para o front, precisamos dessa adrenalina e sobrevivemos muito bem com surpresas, alegrias e frustrações.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima