O sonho pode mudar a sua vida

Investigar e descobrir o que nos move com paixão é condição essencial para se alcançar êxito. Os sonhos geram esperança e nos mantêm entusiasmados. Quem não os possui, conhece o significado mais profundo da expressão “viver por viver”. Quando não enxergamos algo além do aqui e agora, prostramo-nos na posição de desânimo. Ficamos incrédulos. Fraquejamos. Desistimos. Perseguir um sonho, porém, alegra e clareia a escuridão causada pela falta de perspectiva.

Antes mesmo de imaginar qualquer ganho como resultado de nossas buscas, nossas emoções e pensamentos podem nos entusiasmar com vigor, se tivermos boas razões para tal. Cada pessoa possui o segredo de revelar em si o que mais lhe estimula, seja por alguns instantes ou por tempo indeterminado.

Investigar e descobrir o que nos move com paixão, portanto, é condição essencial para alcançar êxito. Depende da nossa investida na direção do que pode nos tocar e modificar o estado de ânimo em que nos encontramos. Sonhar requer consciência acerca do que somos incentivados a perseguir.

O mundo se modifica através de idéias que antecedem suas realizações. Elas são sonhos. Contudo, sonhar sem concretizar é semelhante ao sono que apenas nos transporta de um momento a outro. Acordamos de forma semelhante a que dormimos, com imperceptíveis alterações. No entanto, arregaçar as mangas e mexer no ?barro? da concretização nos leva a incontáveis mudanças.

Muitas pessoas se queixam da sorte sem conhecer sequer um sonho que poderia mudar a sua maneira de enxergar o mundo. Falta-lhes motivação, que, a seu turno, requer motivos. Aquele que não se dedica em procurar as razões que podem transformar a sua vida ignora a felicidade a que tem direito quando em contato com os sonhos e sua capacidade de realização. Para sonhar é preciso, antes, despertar. Acordar do sono da acomodação, provocando-se, a fim de encontrar sentido na vida.

Nas palavras do médico austríaco Viktor Frankl (1905-1997): ?Extrair o sentido das coisas é captar o sentido de cada uma das situações com que nos defrontamos?. E ainda: ?O sentido é, pois, uma silhueta que se recorta contra o fundo de uma realidade. É uma possibilidade que se destaca luminosamente, e é também uma necessidade?.

Ter sonhos e persegui-los relaciona-se ao fato de se motivar a partir de um sentido pessoal e intransferível. Diz respeito ainda à perspectiva de oportunidade que a pessoa emprega. Ou seja, há tempos, o desejo do homem querer voar como os pássaros o levou a construir asas especiais para isso. Por trás de uma realidade encontra-se outra, subjetiva e potencial, aguardando ser identificada e, talvez, transformada em nova realidade. Dessa forma, é preciso transcender de um estado a outro, desde que se observe tal possibilidade, criando o sonho, para em seguida, viabilizá-lo à sua concretização. São etapas trabalhosas e exigem empenho.

Autocobrança e tensão são elementos importantes nesse tipo de empreendimento. Não há, por exemplo, geração de idéias criativas sem o confronto entre um problema e sua necessária reflexão. Trabalho e direcionamento contribuem de forma relevante. A nossa intervenção é crucial para a formação de sentido nas coisas que fazemos. O sonho pode mudar a sua vida e levá-lo a novas direções na vida. Eis a responsabilidade e desenvolvimento presentes nos sonhos que geramos ou não, conforme percebemos a nossa atuação na dinâmica da vida. Então, o que você quer sonhar?

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima