Perfil dos que fazem sucesso

É o conjunto de traços da personalidade e do caráter que compõe a silhueta de quem faz sucesso e permite ter uma medida mais exata de quem já está no patamar do sucesso. É o conjunto de traços da personalidade e do caráter que compõe a silhueta de quem faz sucesso e nos permite ter uma medida mais exata de quem já está no patamar almejado dos que o mereceram e conquistaram. Não tem refil.

Serve para se ter em conta, como forma de preparação e composição para sua candidatura ao sucesso.

Educação ? Resultado de ações para desenvolver aspectos intelectuais, psíquicos e morais de uma pessoa, envolvendo conhecimentos, hábitos socialmente aceitos e boas maneiras. Por meio dela se despertam aptidões naturais e se as orienta segundo padrões e exigências da finalidade proposta. Num aspecto que se traduz pela linguagem e com vistas ao sucesso, recomenda-se evitar gírias e palavrões, ao tempo em que a comunicação deve ter por meio o uso de frases bem construídas. No aspecto da etiqueta, o conhecimento das formas mais cerimoniais deve nortear a conduta, sendo recomendado o conhecimento de suas regras e estilos.

Discrição ? Considerada como qualidade, que bem pode se constituir em condição para os que pretendem não se arriscar no caminho do sucesso pelo fato deste envolver convívio social. Denota prudência e sensatez dos efetivamente preparados, na medida em que envolve comportamento recatado e guarda de segredos. Não precisa chegar a extremos como circunspecção, mas constitui-se bom tino manter sempre alguma reserva, não se expondo em demasia e deixando-se à vontade quando possível e controlado quando necessário.

Moderação ? Enquanto alguns se arriscam com petulâncias e arrogâncias, imaginando-se isentos de crítica pelo sucesso pretensamente conquistado, outros inteligentemente usam sua capacidade de permanecer na sua exata medida. Alguns, com altruísmo e comportamento destemido, diminuem-se, isentando-se de falsas imagens ou interpretações. Ser regrado, comedido e sem exageros minimiza a possibilidade de se expor por exageros, demonstrando prudência. Na aparência, são suaves e amenos, os que fazem verdadeiramente sucesso, sem afetações.

Responsabilidade ? Obrigação assumida por aqueles que se sabem responsáveis pelos seus atos e conseqüências, capacitando-se a prestar contas de seus compromissos e obrigações. É própria do caráter de quem foi treinado ou educado para assumi-la. Atualmente conta, afora as responsabilidades de cunho pessoal e profissional, a social, diferencial dos que estão em dia com o seu tempo. Cresce aquele que, além das próprias, assume também as relativas a seu grupo de colaboradores.

Idoneidade ? Qualidade ou capacidade de quem é suficientemente capaz de exercer sua função de forma correta e competente. Aptidão e facilidade de desenvolver as coisas corretamente. Por instrução e treinamento se conquista a condição de estar apto para atitudes idôneas. É um valor com o qual cada vez mais se julgam os candidatos ao sucesso, em virtude de tendências de degradação moral, cada vez mais presente em nossos dias.

Agilidade ? Engloba ligeireza, presteza e desembaraço. Pela primeira, os que perfazem o perfil se mostram rápidos e velozes, chegando próximo da esperteza, sem sua conotação pejorativa. Pela segunda, se percebem a prontidão e a disponibilidade com que rapidamente se manifestam.

Finalmente, pelo desembaraço se percebe a facilidade e desenvoltura de lidar com coisas difíceis ou importantes.

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima