Proativo versus reativo

Capacidade – “Ele poderia ter retornado com uma resposta simples, mas foi além…” Luiz era um funcionário de uma empresa há quatro anos. Naquele dia, ele estava muito chateado e resolvera ter uma conversa com o proprietário. Ao se encaminhar até a sala onde ocorreria a conversa, ele ficou se questionando porque estava sendo tão injustiçado. Quanto mais ele pensava, mais certeza tinha que precisava tirar isso a limpo.

Aproximou-se do dono da empresa e foi logo falando; “? Estou chateado! Convivo com vocês há quatro anos e nunca pedi nada. Fiquei sabendo que o Maurício, que chegou há apenas seis meses, já entrou ganhando igual a mim. E mais grave: tem um boato de que ele recebeu aumento de salário! Quero saber como fica minha situação, já que estou na empresa há mais tempo”.

O proprietário concorda com que Luiz tem o direito de ficar chateado e apenas lhe pede um favor: “? Gostaria que você fosse até o supermercado da esquina e verificasse se tem abacaxi, pois deverei realizar um encontro, ainda hoje, com todos os funcionários e quero servir frutas no lanche.”

O patrão chama Maurício e lhe faz a mesma solicitação pedida a Luiz. Determina, ainda, que Luiz permaneça na sala, até que Maurício retorne.

Ao retornar, Maurício informa: “? Tem abacaxi, mas eles não estão muito bons, pois estão verdes e pequenos. No entanto, as melancias, melões e tangerinas estão excelentes; as bananas, maçãs e uvas estão com ótimos preço, além de estarem maduras, o que seria ótimo para a festa”.

Nesse momento, o patrão olha para Luiz e exclama: “? Esta é uma das razões porque o Maurício está em melhor situação salarial que você! Ele poderia ter retornado com uma resposta simples, mas foi mais além, trouxe outras possibilidades e me deu alternativas de escolha. Ele poderia ter sido reativo ? apenas ter trazido a resposta solicitada – , no entanto, ele foi proativo”.

Fonte: Histórias & Fábulas Aplicadas ao Treinamento (Ed. Qualitymark), de Albigenor e Rose Militão.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima