Seus vendedores falham no follow-up?

Pouquíssimos vendedores fazem follow-up. Aqui estão os quatro principais motivos pelos quais os vendedores não voltam a contatar o cliente. Pouquíssimos vendedores fazem follow-up. Aqui estão os principais motivos pelos quais os vendedores não voltam a contatar o cliente:

1. Eles não querem ser inconvenientes
Fazer follow-up com muita freqüência para um mesmo cliente pode ser inconveniente e ter o efeito contrário: ao invés de atrair o cliente, acaba afastando. Porém, se seus vendedores deixam de fazer o follow-up, também deixam de aproveitar uma oportunidade de fazer uma venda. O certo é fazer follow-up, mas sem ultrapassar a linha do aceitável. Você precisa descobrir qual a freqüência ideal de follow-up para o seu negócio. Geralmente, indica-se o máximo de uma ligação por semana e, nessa ligação, certifique-se de que seus vendedores vão direto ao ponto e fazem perguntas (ao invés de ficarem falando sobre a empresa).

2. Eles se esquecem
Muitos vendedores têm uma carteira bastante grande de clientes que muda com freqüência e, por isso, esquecem de fazer follow-up. Uma simples agenda ou um programa de computador pode ajudar seus vendedores a lembrarem de contatar os clientes mais de uma vez. Assim que saírem de uma visita ou desligarem o telefone, já devem anotar os dados do cliente na data em que precisam fazer o follow-up.

3. Eles acham que o cliente irá entrar em contato
Esse é um dos maiores mitos em vendas. Os vendedores acham que, se fizerem um bom trabalho no primeiro contato, naturalmente os clientes retornarão. Eles ainda acham que, se o cliente não retorna, é porque não tem interesse naquele produto/serviço e, portanto, não é preciso fazer o follow-up. Mas os clientes também esquecem de entrar em contato ou podem estar sem tempo de ligar para o vendedor. Muitas vezes, tudo que do cliente precisa é a proatividade do vendedor para que a compra seja fechada.

4. Eles nunca foram treinados
Muitos vendedores simplesmente foram “parar” em vendas e não têm conhecimento e treinamento sobre a importância de fazer o follow-up. Por isso, como líder, você precisa identificar se esse é o problema da sua equipe e passar a treiná-los, para que o follow-up seja feito. Você pode fazer uma apresentação em uma das reuniões ou pode, ainda, ir acrescentando essa prática no dia-a-dia. Mas certifique-se de que todos os seus vendedores sabem da importância de fazer follow-up, sabem como fazê-lo e realmente o fazem.

Você, certamente, pode se diferenciar da concorrência apenas fazendo follow-up corretamente. Tome a iniciativa das suas vendas e não deixe que o cliente escolha pelo concorrente apenas por não ter contato com vocês.

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima