Tiago Medrado

De que forma Tiago Medrado se tornou a águia das vendas na Wizard

Prospecção, treinamento, desafio, pequenas metas distribuídas diariamente e reconhecimento. O caminho percorrido pelo vendedor Tiago Medrado pode não ser exatamente uma novidade para quem tem como foco evoluir em vendas, mas foi isso que o levou a um patamar nunca antes alcançado na escola de idiomas Wizard.

 

Esse potencial desse profissional foi descoberto quando ele ainda trabalhava com vendas de cursos para cabeleireiros. Trazido à Wizard por um antigo gerente, Tiago vestiu a camisa da empresa e, em dois anos, conseguiu atingir a marca histórica de 500 matrículas efetuadas – um feito nada mal para quem trabalha na maior rede de franquias do Brasil em seu segmento.

 

Tudo começou quando a companhia mudou sua forma de atendimento, passando a praticar vendas ativas. “Antes, as matrículas eram feitas na própria recepção da Wizard para aqueles que vinham até a escola procurar informações. Não existia um comercial ativo, uma pessoa responsável por procurar externamente o aluno”, relembra. Com o novo formato, metas puderam ser estabelecidas e a corrida para o maior número de matrículas começou a se desenhar.

 

Ao contrário de muitos vendedores, que esperam atingir supermetas em um dia inspirado, Tiago transformou o objetivo principal em rotina: passou a buscar a conquista de uma matrícula por dia, em vez de se concentrar no número total. “Consegui manter uma regularidade e, em dois anos, completei 500 matrículas”, revela.

 

Treinamento

 

O sucesso desse supervendedor não surgiu do nada. “Quando eu vendia cursos para cabeleireiros, sempre tínhamos treinamentos e, além disso, nossa unidade era referência no cumprimento de metas e na quantidade de alunos que se matriculavam. Eu, por exemplo, consegui 70% de fechamento, o que foi muito bom para a unidade em si, além de ser uma coisa que não existia em outras franquias, tornando-me um modelo de padrão de atendimento. Então, vim para a Wizard devido a esses resultados”, conta o vendedor.

 

Aos antigos treinamentos vivenciados, Tiago está acrescentando novas habilidades. Para isso, está cursando administração e planeja, futuramente, iniciar um curso de pós-graduação em marketing. Paralelamente a isso, ele ainda recebe treinamentos mensais com os diretores da empresa na sede do Rio de Janeiro, onde trabalha. Os principais assuntos abordados são as novas técnicas de venda e negociação, conhecimentos que todo profissional sabe que precisa reciclar constantemente para continuar alçando melhores resultados.

 

Conquista

 

Para conquistar um cliente, Tiago, antes de tudo, segue o modelo de vendas estipulado pela empresa. “A gente tem todo um padrão de atendimento: realizamos pesquisas de interesse do candidato, descobrimos por que ele quer aprender um idioma e tentamos nos aproximar dele a fim de conhecer sua real necessidade. Depois, fazemos um tour pela escola para que ele conheça a estrutura e as instalações, mostrando os benefícios que terá aqui. Então, após já termos entendido do que o consumidor realmente precisa, partimos para um processo mais direto. Podemos, por exemplo, trabalhar uma aula com ele, fazer uma demonstração do método buscando encantá-lo e prepará-lo para a hora do fechamento. Nossa meta é realizar a matrícula do cliente em sua primeira visita à escola”, descreve.

 

O foco no primeiro atendimento é um segredo de Tiago, que foi descoberto nos antigos treinamentos. “Utilizo uma técnica de venda chamada Speech (em português, quer dizer discurso), que consiste em fechar com o aluno, antes de qualquer coisa, um acordo verbal. Ao atendê-lo, pergunto se é ele realmente quem decide o fechamento ou se depende de outra pessoa, pois não adianta negociar com o cliente se ele não decide sozinho e precisa de outra opinião. Por isso, é importante que você saiba todas as variáveis que irão interferir em sua negociação para fechar a venda sem maiores dificuldades”, constata.

Caso o aluno dependa de um terceiro, Tiago procura aproximá-lo da negociação. “Se o possível cliente depender de uma segunda pessoa para formalizar sua decisão, busco saber quem é e o que posso fazer para falar com ela imediatamente a fim de maximizar tanto a questão do tempo quanto a de sua visita à escola, tentando fechar no mesmo momento. Peço algum contato telefônico ou, em último caso, procuro trazê-la aqui para negociar”, explica.

 

A toda essa atmosfera de vendas se une o compromisso da escola com fidelização e pós-venda. “Quando matriculo um aluno, assim que ele deixa a escola, envio um torpedo, dizendo: ‘Seja bem-vindo à Wizard, a maior rede de idiomas do Brasil’. Essa já é uma mostra de que queremos cuidar dele, que aqui é como se estivesse em sua segunda casa”, acredita o vendedor. Além disso, a empresa realiza constantemente campanhas promocionais e sorteios de brindes para seus alunos.

 

Outra ação que tem atraído bons elogios dos clientes Wizard é o programa de imersão destinado aos alunos do curso de inglês que gostariam de vivenciar um fim de semana especial. “É um fim de semana completo, somente com pessoas falando inglês para que os alunos possam interagir e praticar tudo o que já aprenderam. Eles são subdivididos em grupos e orientados por professores capacitados, participam de gincanas, brincadeiras e várias outras atividades. Buscamos sempre diferenciar, fazer novas ações e cativar nossos alunos”, explica. Além de encantar, essa é uma fonte para novas matrículas, pois o departamento comercial entra em contato com os participantes para saber se eles gostaram da experiência e, em caso afirmativo, estimulam as lembranças e solicitam recomendações de outros colegas que possam ter interesse em vivenciar um fim de semana assim.

 

Reconhecimento

 

Após a conquista das 500 matrículas, Tiago se surpreendeu ao ser homenageado em uma cerimônia nacional. “Eu fui convidado pelo presidente Carlos Wizard Martins para participar da convenção nacional, que foi realizada recentemente em Mogi das Cruzes, SP, com todos os franqueados do Brasil. Nessa premiação, recebi um troféu, uma águia de prata – que é o símbolo da escola – da mão do próprio presidente como homenagem às 500 matrículas que efetuei, além de um certificado me parabenizando pela conquista”, relembra orgulhoso.

 

Para Tiago, um supervendedor é aquele profissional que “vai atrás de novos desafios e está sempre buscando um novo cliente com garra e objetivo. Tem de ser uma pessoa com perseverança, persistência e que procure constantemente alcançar metas mais audaciosas”. Características que ele, sem falsa modéstia, afirma ter e estimular em si mesmo.

 

Portanto, quem pensa que após o elogio em público o percurso de Tiago chegou ao fim está enganado. Apaixonado pela profissão, ele conta que sempre pensou em ser vendedor, desde muito jovem, e sonha alcançar voos ainda mais altos dentro do próprio universo das vendas. “Agora, vou em busca dos mil alunos”, revela Tiago, que finaliza “mas um de cada vez”.

 

Para saber mais:

Visite o site: www.wizard.com.br

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima