Todos puxam a brasa para suas sardinhas. Especialmente você

Desde que você nasceu, tenta persuadir as pessoas. Você chorava, sorria, batia sua mão na mesa ou no prato. Desde que você nasceu, tenta persuadir as pessoas. Você chorava, sorria, batia sua mão na mesa ou no prato. Um pouco primitivo, mas funcionava. Muitos têm a lembrança de ir ao supermercado com os pais. Aquelas gôndolas enormes, os chocolates e bolachas lá no alto, fora de nosso alcance. E como você pedia um doce? Isso é persuasão. Lembram de seus 13, 14 anos, quando pediam para voltar depois das dez? Isso era persuasão.

Mas parece que, uma vez que crescemos e ganhamos nossos cartões de visita, um pouco de nossos poderes natos de persuasão (e de persistência) desapareceram. A habilidade de persuadir é fazer com que os outros vejam por sua perspectiva, acreditem em suas idéias, façam o que você quer que eles façam. É uma ciência e uma arte. Persuasão não é apenas uma ferramenta de vendas. É uma ferramenta de vida. Veja como aplicar:

1. Explique o que, por que e como. Todas as pessoas querem essas respostas. No começo, somos todos céticos. Seu cliente quer saber: por que isso vai funcionar? Por que você quer que eu faça isso? Responder com clareza é a base da persuasão.

2. Explique para seus clientes o que eles vão ganhar e por que a opção que você apresenta é a melhor.

3. Seja sincero. Acreditar que está fazendo o que é melhor para todos é fundamental para persuadir alguém. Se você não acredita no que está propondo, do fundo do coração, nem tente. Não há nada pior que falsa sinceridade.

4. Apoie seu discurso em números e dados. Construa sua credibilidade.

5. Sua habilidade em fazer perguntas. Essa é uma das grandes chaves para persuadir. Não fale, pergunte. Faça com que a outra pessoa se convença.

6. Sua aptidão em se comunicar. Que nota você dá para a maneira como fala? Epa, devagar aí. Você já assistiu a um vídeo de você falando? Até que faça isso, você não tem a mínima idéia sobre quão boa é a sua comunicação.

7. Sua capacidade de contar histórias e envolver a imaginação de seu cliente. Você consegue descrever uma viagem à praia, de maneira que as pessoas sintam o sol e o cheiro da maresia? Fatos e números são importantes, mas podem ser esquecidos. Histórias são passadas para a frente.

8. Sua reputação. Ela é tão importante que faz com que pessoas já tenham um ?sim? ou um ?não? automático, antes mesmo que você abra a boca.

Persuasão é um resultado. O segredo das grandes persuasões são três palavras: nada de manipulação. Manipulação apresenta resultados de curtíssima duração, se tanto. Persuasão existe quando transcende aquela negociação e tem reflexos nas outras compras daquele cliente.

Que tal pesquisar um pouco mais sobre as maneiras de fazer com que outras pessoas vejam as coisas como você as enxerga? Se você concorda comigo, fiz meu trabalho como persuasor.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima