Transformando problemas em soluções

Depois de muitas tentativas, Zica desenvolveu um produto que mudou sua vida e fez dela uma empresária bem-sucedida Depois de muitas tentativas, Zica desenvolveu um produto que mudou sua vida e fez dela uma empresária bem-sucedida

Algumas pessoas passam a vida inteira se lamentando pelos problemas, outras transformam as dificuldades em oportunidades. Heloísa Helena Belém de Assis, a Zica, faz parte do grupo das pessoas que fazem acontecer.

Zica nasceu em uma comunidade carente e sua família era muito humilde. Seu primeiro emprego foi aos nove anos, como babá. Depois ela trabalhou como doméstica, lavadeira e passadeira. ?Mas nada disso era incômodo para mim, o problema era o meu cabelo. Ele era tão duro que eu precisava improvisar e fabricar meus próprios pentes?, revela. Teve uma época que o black power era moda, mas Zica lembra que, mesmo assim, muitas pessoas associavam esse estilo à falta de higiene. ?Fui discriminada diversas vezes por causa do meu cabelo, e isso sempre foi um trauma.?

Zica trabalhava dobrado para comprar produtos que pudessem melhorar o aspecto do cabelo, mas nada resolvia. Aos 21 anos, ela fez um curso gratuito para cabeleireiro e conheceu as pessoas que levavam as matérias-primas dos produtos utilizados no curso. ?Convenci algumas dessas pessoas a arranjarem algumas matérias-primas para mim e comecei a misturá-las com os cremes que eu passava no meu cabelo. Tive várias quedas, afinal, eu não entendia nada de Química.?

Todo mundo chamava Zica de louca, mas ela continuava tentando. Dez anos se passaram e um dia ela fez uma mistura, passou no cabelo e ele não caiu. Ela foi usando esse produto e a aparência do cabelo melhorava a cada dia. As pessoas começaram a perceber e pediam para Zica aplicar o produto em seus cabelos, também.

O momento da virada

Zica procurou uma profissional especializada em Química para ajudá-la a colocar a fórmula no papel e registrar a invenção. Ela desenvolveu uma técnica para aplicar o super-relaxante, que proporcionava beleza e naturalidade aos cabelos crespos. ?Decidi abrir um salão de beleza, pois tinha um produto, a propaganda, que era o meu próprio cabelo e ainda um monte de pessoas querendo usar a fórmula.?

Só faltava um pequeno detalhe: ela não tinha dinheiro. O único bem que a família possuía era um fusca ano 78. Ela não teve dúvida, convenceu o marido a vender o carro por três mil. Com o dinheiro, comprou móveis e acessórios, alugou um espaço e abriu o salão, em 1993. No primeiro mês, atendia três pessoas por dia, mas no terceiro, os quatro funcionários já não eram suficientes para atender, em média, cem clientes. O salão virou um sucesso em todo Rio de Janeiro e passou a ter filas desde as cinco da manhã. ?Quando isso aconteceu pela primeira vez, eu não acreditava no que via. Trabalhávamos até uma hora da madrugada para atender todo mundo.?

Zica lembra que chegavam pessoas de outros bairros e até de outros municípios, pois mesmo sem investir em divulgação, o boca-a-boca era muito forte. O salão ficou pequeno para tanta procura e o atendimento era feito através de senhas. Foi necessário abrir a primeira filial e, logo em seguida, a segunda e a terceira. O empreendimento se tornou a rede de salões Beleza Natural. Hoje, são quatro lojas no Rio de Janeiro, que atendem 25 mil clientes por mês, só para usar o super-relaxante, fora os outros serviços.

O que faz toda a diferença

O sucesso do Beleza Natural não aconteceu apenas por causa do super-relaxante, mas também pela maneira como Zica conduziu suas ações. ?Eu sempre fui muito feliz e de bem com a vida, mas o meu cabelo incomodava muito. Encontrei uma solução e achei que devia fazer isso por outras pessoas, também.?

Zica afirma que o Beleza Natural não visa dinheiro, mas o bem-estar dos clientes. A rede oferece um telefone 0800, para que as pessoas entrem em contato para esclarecer suas dúvidas. O preço também é bastante acessível, se comparado ao praticado no mercado. Isso é possível porque Zica abriu uma fábrica própria para a produção dos cosméticos. A Cor Brasil, que fabrica a linha de produtos Beleza Natural, produz 50 toneladas por mês. A rede de salões e a fábrica possuem 400 funcionários, todos recebem treinamento em um auditório próprio, com capacidade para 50 pessoas.

Nos últimos 13 anos, Zica procurou se aperfeiçoar cada vez mais nas técnicas aplicadas no salão. A área administrativa é conduzida pelo irmão e pela cunhada, que fazem parte da sociedade constituída por ela e pelo marido. Aos 45 anos, casada e com três filhos, Zica é uma empreendedora realizada. O sucesso do Beleza Natural já rendeu prêmios e até a carreira de palestrante. Ela tem feito, em média, cinco palestras por mês para diversos empresários.

E você, já pensou em quantas oportunidades perdeu por simplesmente não buscar soluções para seus problemas? Pense nisso e comece a procurar soluções, talvez você encontre muitas oportunidades.

3 conselhos para seu empreendimento

Para Zica, o segredo do sucesso é gostar do que faz, acreditar em si e nas próprias idéias. A seguir, ela dá três dicas que, pela sua própria experiência, são pontos que facilitam o caminho para as empresas que almejam o crescimento:

1. Conheça e respeite seu público.

2. Tenha um ambiente agradável.

3. Crie um canal de fácil acesso para que seus clientes possam entrar em contato.

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima