Tudo que acontece é para o nosso bem

Mesmo que não seja fácil, acolha seus problemas, pequenos ou grandes, como sementes de oportunidades para seu próprio crescimento. Napoleon Hill pode nos parecer exageradamente otimista ao afirmar: “O que eu olhei como fracasso em minha juventude foi para mim apenas uma mão bondosa e invisível, que me deteve em um curso de vida que escolhi e, com imensa sabedoria, forçou-me a uma nova direção dos meus esforços, de maneira muito mais vantajosa”.

Henry Ford, contemporâneo de Hill, não só concorda, mas vai além: “Um verdadeiro exame de todas as nossas experiências passadas pode nos revelar o fato surpreendente de que tudo o que nos acontece é para o nosso próprio bem”.

Talvez, neste exato momento, você possa estar se deparando com um enorme problema e pensando: “Como é que eu vou sair dessa?” ou “Por que será que essas coisas têm de acontecer justamente comigo?”.

Diga para si: “Estou frente a um desafio e vou enfrentá-lo. Qual é a melhor forma de encarar esse desafio com firmeza e, além disso, transformá-lo em oportunidade de crescimento?”.

Lembre-se de algum problema que você já tenha enfrentado e solucionado de forma satisfatória. Pode ter sido algum desafio com sua saúde, algum problema de relacionamento com os filhos ou, quem sabe, a difícil decisão de redirecionar seus negócios. Essa lembrança positiva lhe dará forças para encarar o novo problema de frente. “Quem sabe, após resolver este problema que parece me sufocar agora, sairei mais fortalecido, mais confiante?”.

Uma das maiores vantagens de um problema é o questionamento que provoca em nossa forma de ser e de ver o mundo. Os problemas nos tiram de nossa zona de conforto e nos estimulam à ação. Por isso, mesmo que não seja fácil, acolha seus problemas, pequenos ou grandes, como sementes de oportunidades para seu próprio crescimento.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima