Um sonhador que nunca desistiu

Qual é a essência do último lançamento do professor Liévore?

Arlete Leal, diretora da Lealplastic, estava passando ao lado de um prédio em construção quando resolveu entrar e pedir ao mestre de obras uma amostra da mangueira que estava sendo utilizada na obra. Como trabalha no ramo, ela investigou o material e descobriu que a mangueira estava fora dos padrões da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Imediatamente, Arlete ofereceu os produtos com os quais trabalhava e fidelizou o cliente por meio da qualidade do produto e da abordagem.

 

Cidinha desistiu de ficar esperando pelos consumidores do mercado que possui no interior do Paraná e resolveu ligar para os seus principais clientes oferecendo os produtos em promoção daquela semana. Dessa forma, ela conseguiu treinar seus funcionários por meio do exemplo e aumentar consideravelmente a lucratividade e a rotatividade de seus produtos. E, de quebra, ainda auxiliou seus clientes a aumentarem a própria lucratividade, obtendo matéria-prima mais barata.

 

São histórias como essas que permeiam a mais nova obra do professor Liévore, formado em marketing de varejo e especialista em marketing e finanças pela Drexel University, Pensilvânia, EUA. Intitulado Decidi ser vencedor: o vencedor é apenas um sonhador que nunca desistiu!, o livro é uma compilação de práticas que demonstram o lado mais simples e aplicável do marketing e evidenciam a importância do atendimento ao cliente.

 

O profissional acumula mais de 20 anos de experiência como executivo da área comercial de empresas como Alpargatas, Grendene e Grupo Saccheli. Além disso, é palestrante e treinador, tendo realizado mais de 4 mil eventos em empresas como Nestlé, Magazine Luiza, Pão de Açúcar, Siemens e Perdigão. Para chegar até lá, entretanto, foram décadas de superação e oportunidades aproveitadas que ele faz questão de dividir em seu novo livro.

 

O início

De origem humilde, Liévore começou a trabalhar muito cedo, aos sete anos, coletando ferro-velho na linha do trem. “Ter nascido em uma família sem muitas condições financeiras nunca foi empecilho para eu sonhar alto. Sempre tive certeza de que seria alguém de sucesso”, conta o escritor. Acreditar em si mesmo, aliás, é um grande passo para alcançar o sucesso na opinião do vendedor. “O primeiro passo é decidir ser um vencedor. Se não acreditar em você, não chegará a lugar algum”, ensina.

 

Além de catador de entulhos, Liévore também foi pipoqueiro. Ele considera que foi ali, na barraca do “Seu Nelson”, que começaram os primeiros passos em marketing. “Eu costumava chamar todos os clientes pelo nome e sabia muito bem o que eles queriam. Ali mesmo, sem perceber, eu já estava fazendo marketing de relacionamento”, relembra.

 

Hoje, após 40 anos de profissão, o especialista observa que há uma grande corrente mundial querendo robotizar as pessoas: “Fala-se muito em TI, em internet, mas nada substitui o atendimento. O brasileiro é sinestésico, ele precisa de contato”. Liévore acredita que, em um mundo cada vez mais globalizado e de produtos e serviços cada vez mais parecidos, será o profissional de vendas quem fará a diferença. Por isso, em seus treinamentos, ele incentiva os vendedores a estreitarem o relacionamento com o cliente.

 

Ousadia

De ajudante de pipoqueiro, Liévore passou a engraxate. Sua mãe, entretanto, ao vê-lo longe de seus sonhos, teve uma crise de choro e resolveu colocá-lo no Colégio Militar de Curitiba. Na instituição, o profissional aprendeu valores que considera cruciais a um bom vendedor, como: honestidade, iniciativa, disciplina, organização, garra, determinação, ética e respeito. Foi lá também que ele conheceu alguns dos amigos que levaria para o restante da vida, e muitos o auxiliaram a crescer profissionalmente. Um deles era representante da Melitta e conseguiu um estágio não remunerado de promotor de vendas para Liévore. A experiência de um mês nessa função permitiu que ele galgasse espaço na SP Alpargatas S.A., onde, anos mais tarde, auxiliaria na criação da marca Topper.

 

A vontade de aprender e buscar a vitória levou o vendedor a traçar caminhos ousados. Aos 50 anos, mesmo sem saber falar em inglês, ele partiu para se tornar especialista em marketing e finanças nos Estados Unidos. “Você acha que não saber falar em inglês me impediu? Eu fui o melhor aluno do curso! Contei muito com a ajuda dos colegas e professores, mas também corri atrás”, relata. Liévore incentiva todos os que desejam alcançar o sucesso a batalhar por ele: “Invista em você, capacite-se, cuide da aparência e do coração. Observe sua postura, apresente-se com sinceridade e fale a verdade sempre. Lembre-se de que o grande produto do mundo é você”.

 

Motivação

Algum tempo depois, já despontando como palestrante, Liévore teve a oportunidade de contar seu início profissional na América Latina Logística (ALL) a convite do próprio presidente da companhia, Alexandre Bhering. O evento foi cheio de emoção e saudosismo, mas principalmente de motivação, que é uma característica bastante marcante do professor.

 

Para ele, essa é uma obrigação de cada profissional consigo mesmo. “Você deve ter motivação, ela vem de dentro, depende de você”, constata. Para se manter em alto-astral todos os dias, ele acorda e dá um saudoso bom-dia ao Deus em que acredita. “Mas, depois, corro atrás”, faz questão de frisar, revelando que um profissional de sucesso deve ter fé e estar pronto para agir ao mesmo tempo. “Esperar acontecer ou ficar se lamentando não traz sucesso”, garante Liévore.

 

É o carisma e a energia bastante fortes que destacam Liévore no palco. E a mesma simplicidade e alegria o profissional procurou passar para a obra, que reúne suas principais experiências e aprendizagens em 40 anos em vendas. O livro é propositadamente breve, possui cerca de 80 páginas. “Procurei fazer um livro curto, resumido, realmente para as pessoas lerem, e não apenas para enfeitar as estantes”, conta Liévore, que pretende dar sequência à obra em breve.

 

Quer mais um motivo para ler Decidi ser vencedor: o vencedor é apenas um sonhador que nunca desistiu! e conhecer mais a fundo a história desse profissional? Confira 5 das 12 dicas que Liévore sugere nesse lançamento, fruto de suas quatro décadas de experiência em vendas.

 

5 lições que você pode aprender com Liévore:

  1. 1.    Decida e tome a iniciativa de ser um vencedor.
  2. 2.    Estreite sempre o relacionamento com o cliente: almoce com ele, convide-o para um churrasco ou para ir ao jogo de futebol, etc. Se você não tomar essas atitudes, seguramente seu concorrente tomará.
  3. 3.    Atrair o cliente não é mais suficiente, é preciso mantê-lo e fazer com que ele volte a fazer negócios. Isso é sinônimo de lucratividade!
  4. 4.    Sua marca pessoal deve ter tanto valor quanto sua marca como profissional.
  5. 5.    Positivação de suas visitas é essencial para aumentar a lucratividade e competitividade. De nada adianta fazer 100 visitas por dia se, em 60 delas, você não vendeu nada.

 

Para saber mais:

Livro: Decidi ser vencedor: o vencedor é apenas um sonhador que nunca desistiu!

Autor: Prof. José Alfredo Liévore

 

Visite o site: www.lievore.com.br

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima