Você ainda fala em vestir a camisa da empresa?

Desenvolva-se para garantir o seu sucesso As vendas estão crescendo, por isso o profissional deve se qualificar. Entretanto, isso não significa que ele deva se diferenciar dizendo: ?Eu visto a camisa da empresa?. Não existe nada mais antigo, ultrapassado e totalmente sem credibilidade no mercado de trabalho como essa folclórica frase.

Esse é um sintoma de quem não confia em si e se joga de peito aberto em uma aventura, não em uma oportunidade de trabalho. As empresas não propõem mais emprego, elas propõem trabalho.

As pessoas desmotivadas e sem êxito profissional insistem em emprego, enquanto as pessoas de sucesso dão seqüência a uma oportunidade de desenvolvimento de carreira. O sucesso e o caminho surgem a partir do momento que a pessoa veste a própria camisa. Mas como se faz isso? Como uma pessoa pode se tornar um excelente profissional sem vestir a camisa da empresa?

Como conseguir excelentes resultados e se destacar na empresa?

Ora, se você trabalha em nossa gloriosa área de vendas, talvez a melhor camisa seja a do cliente. O que você acha? Quando você pensa em cliente, os resultados aparecem.

Muitos vendedores insistem em ficar pensando em dinheiro. A conta de luz, de água, o condomínio, a escola das crianças e por aí vai. Você acha que surgirá alguma solução concreta pensando em dinheiro?

Então, vamos lá: feche os olhos e se concentre na quantia de dez milhões de reais. Quando ela aparecer na sua conta bancária você me avisa que gastamos juntos. Enquanto isso, eu vou:

» avaliar o potencial dos meus clientes;
» formatar uma nova proposta para introdução de novos produtos;
» propor uma ação de merchandising no ponto-de-venda;
» apresentar uma nova promoção;
» aumentar o meu índice de conversão de vendas;
» vender aquele produto que eu nunca ofereço;
» vou ler um pouco.
Enfim, farei coisas produtivas e concretas.

Tenho sucesso vestindo a minha camisa quando faço adequação de comportamento e atitude às tendências corporativas, estabeleço metas de crescimento pessoal, desenvolvo novas habilidades, competências e tenho sede pelo conhecimento, aprimorando culturas e me globalizando a todo momento.

A diferença entre vestir a camisa da empresa e vestir a sua própria camisa está na relação de caça e caçador. Você quer ser mais um a procurar emprego ou quer ser garimpado pelas melhores empresas do mercado? Aí, entra em cena o pessimista: ?Ah, mas tá tudo tão difícil??.

Então, olha só: de acordo com a CNI ? Confederação Nacional da Indústria ?, em julho deste ano, as vendas do mercado interno apresentaram uma elevação de 6,5% em comparação com o ano passado, chegando a acumular no ano uma alta de 3,3%. Os dados mostram que a demanda interna está forte, o que dá mais dinamismo a indústria. Entretanto, esse crescimento está concentrado em poucos segmentos: alimentos e bebidas (6,7%), máquinas e equipamentos (15%) e metalurgia básica (10,6%). Os três respondem por 92% do crescimento das vendas e por pouco mais de um terço da produção industrial brasileira. Que tal?

Conteúdos Relacionados

Dica número 1 de liderança em vendas

Volta e meia recebo perguntas como esta: “Raul, se você pudesse me dar só uma dica sobre como ser um gestor melhor, qual seria?”

Procuro evitar responder questionamentos como este porque eles costumam vir de alguém que está procurando um atalho ou uma pílula mágica, mas a verdade é que sempre existe mais de uma opção para resolver um problema ou desafio – por isso mesmo, buscar uma única ferramenta milagrosa raramente traz os melhores resultados.

Continuar lendo
Rolar para cima