Você sabe equilibrar sua vida pessoal e profissional?

5 dicas para conciliar vida pessoal e profissional A palavra da vez é o equilíbrio. Saber equilibrar vida pessoal e profissional pode levá-lo ao sucesso

?A maioria das empresas considera o trabalho e a vida pessoal como prioridades concorrentes em um jogo de soma zero, no qual um ganho em uma área significa uma perda em outra. A partir dessa perspectiva tradicional, os gerentes decidem como o trabalho e a vida pessoal de seus empregados devem interagir e, freqüentemente, vêem programas de ?trabalho-vida? pessoal apenas como um bem-estar social. Entretanto, uma nova geração de gerentes está experimentando uma outra linha de pensamento, aquela em que gerentes e empregados colaboram para atingir objetivos pessoais e de trabalho para o benefício de todos.? O trecho do livro Trabalho e Vida Pessoal, da Harvard Business Review, representa algo que está cada vez se tornando mais comum entre grandes empresas da área de vendas: uma nova forma de administração da vida pessoal e profissional de seus vendedores.

A Google, por exemplo, permite que seus funcionários levem para o ambiente de trabalho coisas que remetam à sua família. Os funcionários podem levar seus cães de estimação e os filhos dos profissionais são bem-vindos mesmo em dias de trabalho. Em casos como esse, é importante que o vendedor valorize as ações feitas pela empresa onde trabalha e saiba agir com bom senso para conciliar essas ?duas vidas?, pois essa é uma maneira encontrada pelas empresas para ter seus funcionários mais satisfeitos.

O que é o equilíbrio ? Robert Wong, consultor e autor do livro O Sucesso Está no Equilíbrio, acredita que o vendedor demonstra estar conciliando vida pessoal e profissional quando está em plena felicidade, pois para ele a vida é feita de vários tripés e todos eles devem estar em equilíbrio para se alcançar o sucesso (profissional e pessoal). ?Uma pessoa que tem vida pessoal, vida social e vida profissional está com as três ?pernas? desse tripé bem equilibradas e é mais feliz?, afirma.

Para Wong, a meditação (que ele define como dedicação total ao que se está fazendo) é a fórmula para o equilíbrio. ?Quando estou estudando, estou meditando. Quando estou trabalhando, estou meditando. Estar focado no que se faz é meditar, e é essa meditação que traz o correto equilíbrio entre a vida pessoal e profissional?, completa.

Christian Barbosa, conferencista e autor do livro A Tríade do Tempo, aponta que o limite de problemas pessoais que podem estar presentes no ambiente de trabalho deve ser definido pelo próprio vendedor, mas ?não convém colocar vida pessoal em excesso no escritório, pois tira seu foco do trabalho e acaba fazendo com que se leve mais tempo para fazer algo que poderia ser feito com rapidez.?

Separação ? Mas será que existe alguma maneira de separar completamente a vida pessoal da vida profissional? Para Tom Coelho, palestrante e consultor nas áreas de Qualidade de Vida e Administração do Tempo, é impossível separarmos completamente essas duas esferas. O palestrante acredita que temos um conjunto de sete vidas que precisam ser conciliadas e que são indissociáveis entre si. São elas: saúde e esporte; família e afetividade; carreira e vocação; cultura e lazer; sociedade e comunidade; bens e possessões; mente e espírito. Coelho afirma que ?equilibrar as sete vidas é a chave para o sucesso e a felicidade?.

?Essa separação não é necessária nem vantajosa. Não temos botões liga/desliga e não somos máquinas. Meus aprendizados no trabalho fazem a minha vida melhor?. A afirmação de Roberto Aylmer, médico com especialização em Psicoterapia e Desenvolvimento Humano, mostra que a idéia de uma separação completa entre esses dois âmbitos da vida está cada vez mais distante, e o equilíbrio prevalece entre diversas áreas de estudo.

Para Robert Wong, a questão não é tão simples. Wong acredita que é possível fazer essa separação, mas que ela não é saudável. Na opinião dele, a empresa está diretamente associada a esse equilíbrio, pois pode criar regras maleáveis ou rígidas para seus vendedores. ?Quando uma empresa impõe regras muito exigentes, a chance de causar um desequilíbrio na vida de seus vendedores é maior do que naquelas em que as regras são mais maleáveis?, conclui.

E quem não consegue? ? A má administração da vida pessoal e profissional pode trazer prejuízos à empresa e ao vendedor. Para que esse desequilíbrio não chegue ao ponto de prejudicar os envolvidos, é preciso dar atenção especial a esses profissionais. Tanto Tom Coelho quanto Robert Wong são a favor do diálogo para esclarecer os problemas no que Roberto Aylmer define como tripé pessoa ? empresa ? sociedade.

Para eles, a conversa e a atenção dedicadas a esses funcionários pode fazer com que o problema seja resolvido e que nenhuma medida drástica ? como a demissão ? seja tomada. Coelho aponta três passos para o líder trabalhar com o vendedor: diálogo, orientação e acolhimento. Segundo ele, depois de realizadas essas três etapas, ?pode-se até concluir pelo afastamento temporário do vendedor, concedendo-lhe breves férias para que possa dedicar-se à solução daquele problema pontual. Assim, estaremos evitando riscos diversos, desde um acidente de trabalho até um mau atendimento a um cliente que possa resultar na perda de negócios e comprometimento da imagem da companhia.?

Christian Barbosa também defende a conversa com o vendedor, pois para ele um profissional com problemas pessoais e que não sabe equilibrar esses dois pontos pode ter problemas de estresse que poderão acarretar em desmotivação e conseqüente queda de resultados.

Chieko Aoki é presidente da Rede Blue Tree Hotels e recentemente foi eleita presidente do Conselho Consultivo da ADVB Japão. Logo percebe-se que ela gosta muito do que faz. Mas quando fala sobre equilíbrio entre vida pessoal e profissional ela é certeira: ?É preciso acreditar que equilíbrio é importante e trabalhar para isso acontecer.?

Senhora Aoki, como é carinhosamente chamada pelos funcionários, acredita que as empresas devem buscar o bem-estar e a qualidade do ambiente de trabalho para todos e, para tanto, é preciso trabalhar a questão da disciplina e atitude daqueles que ultrapassem os limites para boa convivência profissional.

Aoki afirma que é muito difícil definir limites e, por isso, acha que ?é mais importante trabalhar os valores e crenças para que os profissionais saibam, internamente, separar o que precisa ser separado, para cumprir o quê e como se deve, na empresa e na vida pessoal?.

Para aqueles que acreditam que múltiplas funções é justificativa para o desequilíbrio entre vida pessoal e profissional, Chieko Aoki é um exemplo de profissional que exerce diferentes cargos e sabe conciliar essas duas áreas da vida. Segundo ela, apesar de ficar até bem tarde no ambiente de trabalho, sempre encontra tempo para fazer ginástica e meditação.

5 Dicas para o vendedor conciliar vida pessoal e profissional ? Os profissionais entrevistados pela VendaMais sugeriram algumas dicas que podem ajudar os vendedores a equilibrar sua vida pessoal e profissional:

1. Esteja focado e dedique-se no que está fazendo ? Manter o foco na atividade que precisa ser feita é fundamental para o equilíbrio correto da vida pessoal e profissional. Enquanto estiver trabalhando, mantenha o foco no trabalho. Enquanto estiver em casa, mantenha o foco em sua família e em atividades de lazer.

2. Administre seu tempo ? Saiba separar o tempo necessário para cada tarefa. Para isso, Christian Barbosa comenta que é necessário ter uma ferramenta para gerenciar seu tempo ? pode ser uma agenda, um celular ou um computador. ?Tire o máximo de preocupações da sua mente e coloque na ferramenta?, afirma.

3. Seja transparente em suas relações ? Quando estiver com algum problema pessoal que você acredita estar desequilibrando sua vida pessoal e profissional, comunique seu líder ou alguém de sua equipe. Muitas vezes, eles podem ajudá-lo a contornar a situação

4. Seja ambicioso, nunca ganancioso ? Tom Coelho aponta a ambição como algo muito positivo. Para ele, é o que conduz ao desenvolvimento, crescimento e à inovação. ?Mas nunca coloque o ?ter? acima do ?ser??, conclui.

5. Tenha sabedoria em suas atitudes ? Chieko Aoki e Roberto Aylmer acreditam que a sabedoria pode ser uma ferramenta importante para que você consiga conciliar sua vida pessoal e profissional, pois através dela a consciência de todas as dicas acima serão mais efetivas.

E você, sabe conciliar sua vida profissional e sua vida pessoal? Christian Barbosa elaborou um teste chamado ?Sua empresa e vida profissional se misturam?? que pode ser encontrado no portal VendaMais (www.vendamais.com.br). Acesse o portal e descubra se você está equilibrando esses dois vértices.

PARA SABER MAIS

Título: O Sucesso Está no Equilíbrio
Autor: Robert Wong
Editora: Campus
Visite o site: www.robertwong.com.br

Título: Trabalho e Vida Pessoal
Autor: Harvard Business Review
Editora: Campus

Título: A Tríade do Tempo
Autor: Christian Barbosa
Editora: Elsevier
Visite o site: www.christianbarbosa.com.br

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima