Zaqueu Braga: um engraxate destaque em vendas

Zaqueu: um engraxate destaque em vendas Vender enquanto engraxa sapatos? Foi o que fez o engraxate Zaqueu Braga. Vindo de família simples, ele trabalha desde os sete anos. Sua força de vontade o levou a se destacar em um ambiente formal e se tornar hoje palestrante e coordenador do seu próprio projeto.

A carreira em vendas começou com sua entrada no Projeto Engraxate da Caixa Econômica Federal, onde passava suas tardes ? em agências do banco ? como engraxate. Para continuar trabalhando no projeto, ele tinha de bater metas mensalmente, as quais superou, do primeiro ao último mês.

Ele mal sabia o que significava, mas, ao engraxar, aplicava técnicas de relacionamento e segmentação. Além de dividir seu serviço em: comum ? graxa normal, comum plus ? graxa de qualidade e personalizado ? graxa especial semi-impermeabilizante com garantia de sete dias. Com isso, vendeu muito bem seu peixe. Depois, desenvolveu uma técnica de engraxar no tempo de dois minutos e 36 segundos. Dessa maneira, ninguém conseguia dizer ?não? a Zaqueu, ele conquistou clientes e ganhou destaque.

Enquanto ficava nas agências, estudava os panfletos, aprendendo tudo o que o banco oferecia e ao engraxar, apresentava os benefícios aos clientes. Essa atitude fez com que Zaqueu passasse a vender seguros, capitalizações e até abrir contas. Como vendedor, bateu quatro vezes o valor da meta, saindo-se melhor que os próprios funcionários. Seu destaque foi tão grande que o incluíram na campanha de vendas da agência.

Com isso, Zaqueu conseguiu um ponto fixo para engraxar e passou a trabalhar de terno. A atitude recebeu reconhecimento. Os gerentes das agências, que antes não engraxavam os sapatos, passaram a ser seus clientes.

No fim do projeto, Zaqueu foi trabalhar em um escritório. Sentindo falta do dinamismo com o qual trabalhava como engraxate, formulou seu próprio projeto e protocolou em uma ONG. Hoje, ele dá palestras sobre motivação e vendas, além de ser coordenador do projeto Empreendedor Aprendiz, que ensina meninos atividades de hidratação e restauração de couro. Para ele, o supervendedor deve ter percepção, autoconfiança e persistência: ?Eu não imaginava, de forma alguma, que chegaria onde estou hoje?, conta.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima