Vendedor, estude nas férias e venda mais

O mercado exige pessoas bem preparadas e na área de vendas a regra não é diferente. Faça do estudo uma forma de crescer profissionalmente Em tempos de mercado competitivo, duas premissas não se fazem mais verdade. A primeira, é que um bom vendedor necessita apenas de empatia e boa comunicação. A segunda, é que as férias se resumem apenas em descanso e viagens.

Isso porque é cada vez maior o número de pessoas que utiliza esse período para estudar e nesse grupo de profissionais também estão os vendedores. Afinal, para os executivos de vendas, a falta de especialização não só os deixa fora do mercado como também diminui os resultados e dinheiro no bolso por conta das comissões.

Com horários flexíveis e metodologias atraentes, não faltam opções quando a meta é mais que se atualizar: ser um profissional inteligente e completo, o que significa não somente saber vender, mas oferecer para a empresa outros diferenciais. No futuro, a profissão de vendedor será tão rentável que perderá apenas para o posto do dono da companhia.

Algumas organizações já exigem certas características que antes eram consideradas desnecessárias ao profissional, como domínio de pelo menos duas línguas além da materna. O vendedor que conhece mais de um idioma está mais preparado para negociar com outros mercados.

Além disso, um profissional completo também deverá entender a venda como um todo, ou seja, como são e por que existem seus processos e projetos e ter visão financeira sobre lucratividade para saber como seu cliente vai ganhar dinheiro ou deixar de perder, tendo em vista a venda como uma troca em que ambos se beneficiam.

Na hora de escolher o curso, o importante é primar por uma metodologia eficiente e contar com o suporte de uma empresa ou escola de confiança, independentemente de o objetivo ser vender mais, buscar excelência em vendas ou otimizar resultados da equipe. Depois, é só voltar das férias descansado e profissionalmente preparado para mais seis meses de trabalho.

Conteúdos Relacionados

Rolar para cima